Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

O vídeo e o mundo real

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 30/08/2021 - 07:29Atualizado em 30/08/2021 - 07:29

Gostaria de continuar falando apenas de recursos passados na cidade, investimentos de obras e dados positivos. Mas o caso do professor demitido da Rede Municipal de Ensino, continua repercutindo. 

No meio desse tiroteio e em torno do caso, uma professora de rede pública, Marina Marina Borba Nakagaki, escreveu em sua rede social: 
 

Professor tem que dar a matéria de sua disciplina e pronto.

 

Ok. Vou dar alguns detalhes de alunos meus:

 

1. Minha aluna de 12 anos já havia visto 8 pessoas mortas, assassinadas, no bairro em que mora;

 

2. Minha aluna de 9 anos tinha que cuidar dos 4 irmãos menores, porque os pais se drogavam;

 

3. Meu aluno de 11 anos teve que filmar o irmão dele, adulto, matando um outro a pedradas;

 

4. Minha aluna de 14 anos, só esperava fazer 16 anos para poder parar de estudar, sem o Conselho Tutelar cobrar da família, pois os pais já concordavam com a ideia,

 

5. Minha aluna de 9 anos era molestada pelo padrasto;

 

6. 3 alunos (irmãos), menores de idade, viviam por conta, pois a mãe era viciada em crack.
*todos fatos reais de meus alunos.
Agora eu pergunto: professor tem que dar a matéria e pronto?
Fácil dar opinião, né?

Tem muita coisa a tratar se realmente estão preocupados com as nossas crianças. Aquele vídeo que o professor usou é perfumaria diante do mundo real e detalhe: falam em preservar as crianças, mas o clipe foi passado para adolescentes de 14 anos. Não eram crianças. O professor usou para falar sobre diversidade. 
 

Ouça o áudio completo na íntegra:

4oito

Deixe seu comentário