Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Dexco não vai fechar a fábrica em Criciúma

Anúncio será feito na reunião das 14h com o sindicato dos trabalhadores
Por Adelor Lessa 31/07/2023 - 11:34 Atualizado em 31/07/2023 - 13:40

A direção da Dexco informa, por sua assessoria, que não vai fechar a unidade industrial da cerâmica Eldorado, em Criciúma.

A direção da empresa só vai se manifestar em público amanhã, por nota oficial.

Mas a assessoria garantiu que a informação de fechamento da fábrica não procede.

Daqui a pouco, 14h, a empresa terá reunião com o sindicato dos trabalhadores, quando a informação será passada.

É provável que seja encaminhado um plano de redução de pessoal.

O Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Cerâmicas de Criciúma foi convidado às 11h50 para reunião das 14h sobre o destino da cerâmica Eldorado.

O assunto movimenta o início da semana em Criciúma e mobiliza autoridades.

A reunião do prefeito Clésio Salvaro (PSD) com autoridades do Governo do Estado, em Florianópolis, para tentar ações que possam "segurar" a unidade industrial da Dexco está acontecendo.

Participam o secretário da Indústria, Comércio e Serviços do estado, Silvio Dreveck, e o presidente da SCGás, Otmar Müller.

A reunião é na sede da SCGás.

Os vereadores Miri Dagostim (PP) e Geovana Zanette (PSDB), que são da região em que está instalada a unidade industrial, acompanham o prefeito.

No domingo, Salvaro conversou com empresários do setor, com o presidente da Acic, Valcir Zanette, e com representante da Fiesc, manifestando sua preocupação se for confirmado o que está indicado.

A unidade industrial da cerâmica Eldorado, na Quarta Linha, tem em torno e 350 empregados e gera receita de mais de R$ 2 milhões para a cidade.

Copyright © 2022.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito