Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Moisés se diz "estarrecido" com o discurso de Bolsonaro (VÍDEO)

Governador reafirma a vigência do isolamento social por mais uma semana em Santa Catarina
Denis Luciano
Por Denis Luciano Florianópolis, SC, 25/03/2020 - 11:25Atualizado em 25/03/2020 - 11:28
Reprodução
Reprodução

O governador Carlos Moisés reagiu às últimas declarações do presidente Jair Bolsonaro, que se demonstra contrário ao isolamento social na amplitude que estados e municípios estão adotando na luta contra o coronavírus. 

"Estarrecido com o pronunciamento do presidente com relação às medidas responsáveis adotadas por diversos governos, eu venho a público informar a população de Santa Catarina que no dia de hoje, 25 de março, iniciamos mais uma quarentena de sete dias, por determinação de decreto dessse governador. Mais sete dias para ficarmos em casa", reafirmou, em vídeo distribuído na manhã desta quarta-feira, 25. 

Confira também:

Bolsonaro: "Vamos ficar com o caos e o vírus juntos"

Especialistas discordam de Bolsonaro e afirmam: isolamento social está funcionando

Conselho de secretários de Saúde repudia discurso de Bolsonaro

Bolsonaro é contrário à suspensão de atividades nos estados e municípios

Moisés afirmou que o governo está preocupado com o futuro da economia, por conta da crise gerada pela pandemia. "Precisamos equilibrar as medidas de retomada da atividade econômica com as medidas de restrição, que a gente não tenha contaminação em massa", frisou. O governador lembrou que países desenvolvidos estão tendo dificuldades com a propagação do vírus e suas consequências. "Não há sistema no mundo que tenha conseguido dar respostas, a gente está assistindo nos países mais desenvolvidos que não conseguiram absorver o número grande de pessoas que entraram nas unidades hospitalares. Em alguns países as pessoas morreram nas suas casas. São medidas impactantes que o mundo assiste para resguardar a nossa população", reafirmou.

"A determinação do governo é que continuem em casa", salientou Moisés. "Estamos avaliando cada setor, para ver como se dará essa retomada, o governo trará sempre notícias novas, atualizações, nos siga nos canais do governo. Hoje temos uma coletiva às 18h", anunciou. "A gente atualiza todos os dados, as decisões do governo, cuidado com as fake news, é um governo de responsabilidade para os catarinenses", sublinhou. "Vamos cuidar das pessoas mais fragilizadas, dos idosos, de todos que tenham alguma fragilidade, no combate a essa doença que tem dizimado milhares de pessoas", pediu Moisés. "É importante que mantenhamos firmes no isolamento social, ele já demonstrou resultado, já tivemos a curva de casos suspeitos diminuída. Vamos estudar os números, conversando com setores desde o fim da semana passada, essa semana começamos a falar com setores, a decisão ainda é por quarentena", finalizou.

Confira também:

O mapa do coronavírus em SC: já são 109 casos

Coronavírus: casos confirmados crescem 26% no estado

Assista o pronunciamento do governador Carlos Moisés:

Tags: coronavírus