Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Candidato a vice em 2018, Napoleão visita a Unesc

Ex-prefeito de Blumenau, que trocou de partido recentemente, foi recebido pela reitora Luciane Ceretta
Redação
Por Redação Criciúma, SC, 24/01/2020 - 15:29Atualizado em 24/01/2020 - 15:32
Luciane Ceretta recebeu Napoleão Bernardes na Unesc / Divulgação
Luciane Ceretta recebeu Napoleão Bernardes na Unesc / Divulgação

A Unesc recebeu, na manhã desta sexta-feira, 24, a visita do ex-prefeito de Blumenau e professor universitário, Napoleão Bernardes. Recepcionado pela reitora, Luciane Bisognin Ceretta e demais gestores da Unesc, Napoleão presenteou Luciane e a Instituição com exemplares de seu livro “Teoria e Prática do Princípio da Insignificância”. A obra surgiu a partir da dissertação do professor para o mestrado em Ciência Jurídica e foi lançada em 2019.

Durante a visita, assuntos como o trabalho das Universidades Comunitárias em Santa Catarina e a importância delas para o desenvolvimento das regiões onde estão instaladas foram abordados. “Cada qual com a sua característica, as Universidades Comunitárias observam o cenário, analisam contextos e agem. A sua colaboração vai além da formação acadêmica de qualidade por meio do ensino, da pesquisa e da extensão. Há uma parceria muito grande com a sociedade”, comentou Luciane. “Elas têm compromisso social, raiz e responsabilidade com a região”, complementou. Falando sobre a ligação da Unesc com o Sul e Extremo Sul catarinense, a reitora citou como um dos exemplos, a realização de fóruns em prol da elaboração de planos de desenvolvimento, que em 2020 seguirão sendo realizados.

Napoleão, que é formado em Direito pela Furb (Universidade Regional de Blumenau) e professor daquela instituição, reforçou a importância das Universidades Comunitárias para o Estado e o seu apoio a elas. “Meu pai, eu e meus irmãos nos formamos na Furb. Meu pai foi professor dela e eu também sou. Conheço bem a atuação das instituições comunitárias na sociedade. Enquanto cada município tem um olhar individual, elas são estratégicas ao olhar para a região como um todo”, afirmou. 

O encontro teve a participação do assessor Institucional da Unesc, Edson Rodrigues, da pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, Gisele Coelho Lopes, da gerente Administrativa, Mira Dagostim, da diretora da unidade da Unesc Araranguá, Izabel de Souza, da coordenadora Pedagógica do Colégio Unesc, Giselle dos Passos Vieira, do gestor do Escritório de Negócios, Henrique Vargas e do coordenador Comercial e de Marketing, Augusto Magalhães.

Na política

Napoleão, ainda no PSDB, foi candidato a vice-governador em 2018, na chapa encabeçada por Mauro Mariani (MDB) e que ficou em terceiro lugar na disputa. Meses depois, sem mandato, ele anunciou a desfiliação do PSDB e permaneceu um tempo sem partido até que, em agosto de 2019, assinou ficha no PSD.

Napoleão em recente visita à Som Maior / Arquivo / 4oito

Em outubro, o ex-prefeito participou de um ato em Criciúma e, em visita à Rádio Som Maior, garantiu que sua migração para o PSD não incluiu qualquer acordo prévio para concorrer em 2022. "Não tem nada combinado", disse. Alguns dias depois, Napoleão voltou a Criciúma para eventos de busca de novas filiações para o partido.