Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Archimedes fala sobre a “proposta estapafúrdia” para o Centro Cultural

Comentarista analisa a ideia do coronel Cosme Manique Barreto de ocupar o local
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 14/11/2018 - 12:43

Em seu comentário desta quarta-feira (14), Archimedes Naspolini Filho falou sobre a ideia do coronel Cosme Manique Barreto de ocupar parte da frente do Centro Cultural Jorge Zanatta por parte da Polícia Militar. Segundo ele, quando o prédio estava destruído o interesse não existia, lembrou ainda que existem outros prédios para isso.

“Ele deve ter rompido relações com o seu ex-colega de farda, Márcio Cabral, se tivesse perguntado a importância do edifício, ele não teria feito proposta tão estapafúrdia como esta. O Coronel Cabral teria informado sobre a história daquele casarão. Porque o senhor não lembrou disso quando o edifício estava em ruinas?”, disse Archimedes.

Confira o comentário na íntegra: