Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
Max Everson
Por Max Everson 13/11/2018 - 15:07Atualizado em 13/11/2018 - 15:10


Michael Bublé divulgou seu mais novo single, intitulado “Such A Night”. A canção integra seu próximo disco, “Love”, que chega às lojas no dia 16 de novembro pela Reprise.

Este será seu oitavo trabalho e tem a produção de David Foster, Jochem van der Saag e do próprio Michael. O material conta também com a mais recente canção lançada “Love You Anymore“.

Além do lançamento, Michael esteve presente na BBC Radio 2, onde apresentou um cover de “All Shook Up”, faixa originalmente cantada por Elvis Presley.

 

Max Everson
Por Max Everson 06/11/2018 - 21:26Atualizado em 06/11/2018 - 21:27

Steven Tyler, vocalista do Aerosmith, agora tem um sonho: fazer casamentos!

O músico foi ordenado padre e agora pode realizar cerimônias dentro dos Estados Unidos. O cantor já celebrou a união de um dos seus filhos e agora almeja realizar o casamento de Justin Bieber com a modelo Hailey Baldwin.

"Justin, você precisa se casar. Sou o homem que vai celebrar isto", intimou o astro pop.

Para ter a credencial de padre e fazer casamentos, Steven comprou um certificado pela internet, através da Universal Life Church Monastery, e pagou 80 dólares na carteirinha (cerca de R$297,00).

Max Everson
Por Max Everson 06/11/2018 - 10:43Atualizado em 06/11/2018 - 10:46

Três músicos com carreiras já bem resolvidas se juntam de brincadeira e a coisa vai para frente: uma cantora de voz mais leve, outro com vocal mais encorpado e um cara mais voltado aos ritmos e misturas de estilos. Se o Brasil teve os Tribalistas, agora os gringos têm o LSD.

O trio formado pelo inglês Labrinth, a australiana Sia, e o norte-americano Diplo lançou na sexta-feira (2) o primeiro EP, com quatro faixas, chamado "Mountains".

Eles estreiam entrosados, com divisão de tarefas parecida com a do trio brasileiro: Sia faz as vezes de Marisa Monte; Labrinth é Arnaldo Antunes; Diplo é Carlinhos Brown, na ordem das funções indicadas no primeiro parágrafo deste texto.

O tino para compor em parceria e gravar hits do LSD parece o mesmo que o trio brasileiro teve em seu disco de 2002 - de "Velha infância" e "Já sei namorar". "Thunderclouds" é o maior sucesso até agora, com 142 milhões de views no YouTube em 3 meses.

"Audio" e "Genius" tiveram mais de 70 milhões de visualizações cada uma. 

A nova aposta do EP, a faixa-título "Mountains", a mais calma das três, que teve cerca 2 milhões de acessos nos três primeiros dias de lançamento. 

 

Max Everson
Por Max Everson 31/10/2018 - 16:29Atualizado em 31/10/2018 - 16:31

Lauryn Hill vai fazer um show em São Paulo no dia 3 de maio de 2019. A cantora está em turnê de 20 anos do disco "The Miseducation of Lauryn Hill".

A apresentação vai acontecer no Espaço das Américas, na Barra Funda.

Os ingressos começam a ser vendidos no dia 7 de novembro, no site Ticket360. Os preços ainda não foram divulgados.

 

Tags: NoAr Lauryn Hill

Max Everson
Por Max Everson 31/10/2018 - 11:08Atualizado em 31/10/2018 - 11:17

Uma nova versão do videoclipe de “Glass Onion”, dos Beatles, foi liberada na Apple Music nesta terça-feira (30). A faixa fará parte do relançamento comemorativo do icônico “The White Album”, previsto para o dia 9 de novembro deste ano.

O clipe, produzido por Paul McCartney e pelo diretor de arte Richard Hamilton, apresenta imagens raras da banda em Liverpool, enquanto fotos animadas, filmes e desenhos são inseridas no novo formato do vídeo. 

acesse o iTunes: http://apple.co/GlassOnionMusicVid

A edição especial do álbum duplo, lançado em 1968, contará com suas 30 canções originais remixadas, 27 demos acústicas e 50 gravações de sessões, algumas delas nunca foram lançadas. Os itens já estão disponíveis para pré-venda no site oficial da banda.


 

Max Everson
Por Max Everson 31/10/2018 - 10:17Atualizado em 31/10/2018 - 10:29

Nem tudo que se ouve hoje em dia, é de hoje ou do seu artista preferido, mas sim de muito tempo atrás, de alguém que você talvez nunca tenha ouvido falar, muitos nem sabem que aquela música descolada de hoje ja foi cantada a exaustão há décadas atrás, e abaixo segue alguns exemplos.

Rodrigo José | Domingo Feliz 2016
 

Daniel Boone - Beautiful Sunday 1972
 

===================================================

Rodrigo José | Sem você não viverei 2016
 

Ovelha - Sem Você Não Viverei
 

Leo Sayer - I Love You More Than I Can Say 1980
 

Bobby Vee - More Than I Can Say 1960
 

===================================================

Kid Abelha - Na rua, na chuva, na fazenda 1996
 

Hyldon - Na Rua, Na Chuva, Na Fazenda 1975
 

===================================================

George Strait - Amarillo By Morning 1982
 

Zé Ramalho - Entre a Serpente e a Estrela 1992
 

======================================================

Jota Quest - As dores do mundo 1996
 

Hyldon - As Dores do Mundo 1975
 

====================================================

Capital Inicial - O Passageiro
 

Iggy Pop -  The Passenger 1977
 

==============================================================

Newton - sky high 1997
 

Jigsaw - Sky High 1975
 

essas são apenas algumas músicas que foram regravadas e fizeram muito sucesso, em breve trarei muito mais, mas e você sabe de alguma musica que ficou no passado e é regravação hoje em dia.? 

Tags: NoAr Curiosidade

Max Everson
Por Max Everson 24/10/2018 - 15:21Atualizado em 24/10/2018 - 15:23

A banda do ator Ben Stiller (dos filmes "Zoolander", "Uma Noite no Museu", ente outros) liberou na última terça-feira, dia 23, sua nova canção, após 36 anos de hiato. Trata-se do single "Confusion".

O grupo Capital Punishment foi formado no ensino médio e sua volta está sendo trabalhada desde setembro, quando os integrantes deram início a reedição do primeiro disco, "Roadkill", de 1982.

A nova versão do álbum chegará com o nome "This Is Capital Punishment" e está prevista para chegar às lojas físicas no dia 23 de novembro. A versão digital sairá em 7 de dezembro com 5 novas gravações.

 

Tags: NoAr

Max Everson
Por Max Everson 13/10/2018 - 10:01Atualizado em 13/10/2018 - 10:06

Um Pequeno resumo do que foi o show da Jota Quest em Criciuma, para os que foram ou os que não foram, mais um show com a Som Maior, Portal 4oito, e A Tribuna.

 

Max Everson
Por Max Everson 11/10/2018 - 15:55Atualizado em 11/10/2018 - 15:58

A boy band New  Kids on The Block está de volta. O grupo anunciou na última segunda-feira (8) o reencontro acontecerá em uma turnê pela América do Norte no ano que vem.  

 Além disso, a banda liberou uma nova música, chamada "80's Baby", que celebra a década que consagrou o grupo e serve como um esquenta para os shows que estão por vir.

A turnê contará com 54 apresentações agendadas entre maio e julho, em várias cidades dos Estados Unidos e Canadá com convidados como Salt-N-Pepa, Tiffany, Debbie Gibson e Naughty by Nature.

 O grupo foi formado em 1986 por Jordan  Knight, Jonathan Knight, Joe McIntyre, Donnie Wahlberg e Danny Wood e ficou na ativa até 1995. Em seu auge, o New Kids on The Block veio ao Brasil na segunda edição do Rock in Rio, em 1991.

 Voltaram em 2008 e fizeram um show em São Paulo, em 2012, com ingressos esgotados.

 Ouça “80’s Baby”

 

Tags: NoAr New Kids

Max Everson
Por Max Everson 01/10/2018 - 11:42Atualizado em 01/10/2018 - 11:46

Charles Aznavour, popstar da música francesa, morreu aos 94 anos na madrugada desta segunda-feira (1-10-2018), disse um porta-voz à agência France Presse. Ele estava em sua casa no Alpilles, sul da França, depois de voltar de uma turnê no Japão.

O cantor teve uma carreira de mais de 80 anos, e era frequentemente descrito como o Frank Sinatra da França. Ele é conhecido principalmente pelo sucesso "She".

"La bohème", "La mamma" e "Emmenez-moi" também estão entre suas canções mais famosas. Uma das marcas do repertório do cantor é o tom nostálgico. Como compositor, criou músicas para artistas como Edith Piaf.

Nascido Shahnour Varinag Aznavourian, filho de pais armênios em Paris, o músico vendeu mais de 100 milhões de discos e também trabalhou como ator em mais de de 60 filmes.

Aznavour ganhou uma estrela na Calçada da Fama de Hollywood em 2017. Ele deixa seis filhos.

 

Max Everson
Por Max Everson 28/09/2018 - 14:51Atualizado em 28/09/2018 - 14:55

Pepeu Gomes volta ao disco com música feita com Nando Reis e gravada no estilo pop tropical do 'novo baiano'

Já na introdução de Aos poucos – single de Pepeu Gomes disponível a partir de hoje nas plataformas digitais, 28 de setembro de 2018 – sobressai o toque tropicalista da guitarra hendrixiana deste novo velho baiano de 66 anos.

Na sequência da extensa turnê nacional que marcou a volta à cena do grupo Novos Baianos, em 2016, Pepeu retorna ao disco com a gravação dessa música inédita intitulada Aos poucos.

A música é a primeira parceria desse cantor, compositor e guitarrista nacional com Nando Reis. Mas sobressai no registro de Aos poucos o estilo de Pepeu. Ecos do tecnopop e da axé music mais caribenha dos anos 1980 são ouvidos ao longo dos três minutos e 69 segundos do single gravado no tom pop tropical que caracteriza a obra solo de Pepeu.

"Sem luz, não vejo / Sem luz, não vemos / Não se iluda", clareia Pepeu no refrão aliciante, pregando conciliação e simplicidade.

Max Everson
Por Max Everson 27/09/2018 - 15:50Atualizado em 27/09/2018 - 15:54

Enquanto o dia da estreia de filme “Nasce Uma Estrela (a star is born)” nos cinemas não chega, e que tem a participação de lady gaga ao lado do ator Bradley Cooper, os ouvintes da som maior podem matar a ansiedade e sentir o gostinho do que está por vir com o lançamento da música “Shallow”, que é um dueto entre Gaga e Cooper.

A música é a primeira a ser lançada da trilha sonora do filme, que também chegará às plataformas de streaming e lojas no dia 5 de outubro, mesmo dia do lançamento de “Nasce Uma Estrela” nos Estados Unidos. 

Aqui no Brasil, o filme só estreia nos cinemas no dia 11 de outubro, e a som maior sai na frente, e já da uma amostra
do que vem por ai na trilha sonora de Nasce uma estrela.

 

Max Everson
Por Max Everson 25/09/2018 - 14:44Atualizado em 25/09/2018 - 14:47

Detonautas Roque Clube está apostando em parcerias que não sejam apenas do Rock.

Já gravaram com o sertanejo Lucas Lucco, a música "Por Onde Você Anda", com uma pegada mais romântica, e o clipe tem mais de 300 mil views.

A participação especial dessa vez foi a convidada Alcione, que divide os vocais com Tico Santa Cruz, na música "Você Vai Lembrar de Mim".

"A Marrom gravou de primeira e ficamos super lisonjeados com a generosidade dela conosco", disse o vocalista. A cantora mandou um recado para a banda assim que soube que a música seria lançada. "Eu quero agradecer aos Detonautas, pois fiquei muito honrada pelo convite desses meninos tão talentosos, que fazem a diferença no cenário musical brasileiro, adorei conhecê-los pessoalmente. Adorei gravar com todos eles", finalizou Alcione.

 

Max Everson
Por Max Everson 24/09/2018 - 15:25Atualizado em 24/09/2018 - 15:27

A cantora e compositora Lauren Daigle, nascida em Louisiana, nos Estados Unidos, é uma artista da música gospel.

Desde cedo, a cantora já mostrava apreço pelo universo musical. No entanto, Daigle admite que ela quase deixou a música para trás, sem saber se era sua verdadeira vocação, até que uma doença devastadora, a mononucleose infecciosa , trouxe um foco maior para sua vida. Por causa do sofrimento com a doença enquanto estava no ensino médio, ela foi mantida fora da escola por quase dois anos.

Daigle começou a cantar em um coral enquanto estudava na Louisiana State University .Em 2010 e 2012, tentou entrar para no American Idol em 2010 e 2012, mas acabou não dando certo.

Sua estreia aconteceu no álbum da North Point InsideOut, nomeado Hear, no qual gravou "Close" e "You Alone" ao vivo na North Point Community Church em Alpharetta, Georgia.

Mais tarde, Daigle foi convidada para cantar em um EP de uma banda local chamada "The Assemblie" e o EP foi brevemente o álbum mais vendido da iTunes Store dos EUA . Após o lançamento do EP, a Centricity Music convidou-a para participar de um workshop e, em 2013, a artista assinou com a gravadora.

Seu primeiro single, "Light of the World" veio do álbum 2013 Christmas: Joy To The World, uma coleção de músicas de vários artistas da Centricity. Servindo como a introdução solo de Daigle para a cena musical cristã, o single recebeu uma base inicial de fãs e muita atenção para a cantora. Em setembro de 2014, lançou o EP How Can It Be.

O álbum de estreia de Daigle, How Can It Be, foi lançado em 14 de abril de 2015, estreando em primeiro lugar na Billboard Christian Albums Chart. O álbum também alcançou o Top 20 na Billboard Top Albums Chart. Nesta época, Daigle foi nomeada uma das artistas mais inovadoras da música cristã, e o primeiro single de seu álbum "How Can It Be" foi nomeado pelo iTunes como uma das principais músicas cristãs de 2014.

Em 1º de junho de 2015, Daigle ganhou seu primeiro prêmio, Worship Song of the Year, por seu single "How Can It Be" no K-Love Awards. O álbum How Can It Be ganhou o prêmio Billboard de 2016 para o Top Christian Album e foi indicado ao Grammy Award 2016 de Melhor Álbum de Música Cristã Contemporânea.

O sucesso geral do álbum resultou no lançamento de How Can It Be: Deluxe Edition em maio de 2016. A versão deluxe apresenta as faixas originais do álbum, junto com duas novas músicas, versões acústicas dos singles "First" e "Come Alive", e versão de performance ao vivo de "How Can It Be".

Em julho de 2018, lançou "You Say"como o primeiro single do segundo álbum de estúdio Look Up Child.  O material serve como uma continuação de seu disco de estreia, How Can It Be (2015). Tornou-se seu terceiro Hot Christian Songs No. 1 e ficou no mainstream Hot 100 na 53.

Look Up Child estreou na 3ª posição na Billboard 200 dos EUA, com 115.000 unidades vendidas, sendo o álbum mais bem escalado de Daigle.

 

Max Everson
Por Max Everson 20/09/2018 - 11:06Atualizado em 20/09/2018 - 11:41

A banda Kiss anunciou sua despedida dos palcos. O grupo fará uma turnê para dizer adeus aos fãs após 45 anos de carreira. A notícia foi revelada durante a final do programa "America’s Got Talent" na noite desta quarta-feira (19) e compartilhada em todas as redes sociais oficiais do grupo.

"Tudo o que construímos e conquistado ao longo dessas mais de quatro décadas jamais poderia ter acontecido sem os milhões de pessoas pelo mundo que lotaram clubes, arenas e estádios ao longo dos anos. Essa será a celebração final com todos aqueles que já nos assistiram e a última chance para aqueles que não nos assistiram. Exército Kiss, estamos dizendo adeus em nossa turnê final com nosso maior show já feito e vamos sair do mesmo jeito que entramos: poderosos e incessantes” escreveu o grupo em comunicado oficial divulgado no site.

O comunicado ainda dizia: "Após uma épica e histórica carreira de 45 anos, que iniciou uma era de lendas do rock and roll, a banda Kiss anunciou com exclusividade durante o America’s Got Talent, da NBC que eles vão pendurar suas botas. A novidade foi revelada com uma apresentação empolgante no estilo Kiss, marca registrada da ao longo da carreira, mostrando o motivo de a banda ser conhecida por ter a mais icônica apresentação ao vivo que simplesmente não pode ser esquecida".

O grupo vai anunciar as datas e locais da turnê "End of the road" em breve.

Kiss - I Was Made For Lovin' You (Version Original 1979) 

KISS - I Wanna Rock N Roll All Night 

Kiss - Forever

Kiss - Lick It Up

Tags: NoAr Kiss

Max Everson
Por Max Everson 18/09/2018 - 11:04Atualizado em 18/09/2018 - 11:13

Black Merda (pronunciada "Black Murder") é uma banda de Rock, funk, funk rock, soul psicodélico formada em Detroit, Michigan, iniciou seu trabalho no inicio dos anos 60, parou da década de 70 e voltou a se reunir em 2005, os membros da banda são o guitarrista Anthony Hawkins, o baixista VC L. Veasey e guitarrista Charles Hawkins , mais o baterista Tyrone Hite.

Enquanto lê o post, dê o play no vídeo abaixo, vale a pena! 

Anthony Hawkins e VC Lamont Veasey eram amigos de infância e conheceram Tyrone no ginásio em Detroit no inicio dos anos 60. Hawkins e Veasey trabalhavam com frequência como músicos em Detroit para empresas como Fortune Records, Golden World Studios e com o produtor Don Davis, enquanto Hite trabalhava em sessões originalmente como cantor antes de assumir o comando da bateria.

Hawkins, Veasey e Hite inicialmente formaram em uma banda chamada The Impacts, com outros músicos de soul e R&B filiados ao Motown e Brunswick Records e em 1965 foram chamados para o single de Edwin Starr - "Agent Double-O Soul". Starr os contratou permanentemente como banda de apoio renomeando-os para Soul Agents e nesse período Victor Stubblefield e Gus Hawkins  se juntaram a eles em algumas apresentações, em 1967 o Soul Agents gravou com Starr os singles "Twenty Five Miles" e "War".

Hawkins e Veasey (que escreviam musicas juntos desde os 14 anos) também participaram em 67 das composições “I Will Fear No Evil” de Robert Ward (produzida por Don Davis) e "My Love Is Strictly Reserved For You.".

Hawkins, Veasey, and Hite (enquanto trabalhavam com  Starr) começaram a sofrer influencias do Cream, The Who e Jimi Hendrix e se afastaram do R&B . Ainda conhecidos como Soul Agents, em 1967 o trio fez o que até hoje é conhecido como primeiro cover de “Foxy Lady” do Hendrix, hoje essa gravação é considerada item de colecionador. Durante esse período, Charles Hawkins, irmão mais novo de Anthony, entrou para a banda como segundo guitarrista.

O quarteto continuou a trabalhar com Edwin Starr, como Soul Agents, Starr aprovou a mudança do som para uma base psicodélica com rock e funk. Mas em 68 eles decidiram criar uma nova identidade, mudando para uma banda independente considerando um novo nome: Murder Incorporated, remetendo a uma organização criminal, mas mudaram para Black Murder em decorrência aos violentos eventos da época realizados pela comunidade afro-americana. Refletindo a respeito da quantidade de jovens mortos pela Ku Klux Klan em Detroit e no sul do país, Veasey queria um nome chocante para a banda, que lembrasse o publico a terrível situação, mais tarde mudaram para Black Merda, como uma gíria utilizada na época pelos Afro Americanos.

Black Merda continuou por mais um tempo com Starr, tocando também com Temptations em 69 e Eddie Kendricks do Temptations resolveu produzir a carreira independente da banda, durante esse período eles tocaram com o cantor Ellington Fuji Jordan gravando o single “Mary Don´t Take Me on No Bad Trip, lançado pela Chess Records se um dos mais populares singles da época em Detroit, mas o Black Merda não recebeu os créditos pela gravação. Marshall Chess da Chess Records , estava interessado em ampliar sua conhecida dedicação do rótulo de blues, soul e jazz com mais rock e sons experimentais, Chess lançou  o primeiro álbum  do Black Merda em 1970 e a banda rapidamente se tornou conhecida pela sua combinação de black rock e funk pesado, mas o álbum sofreu pela falta de promoção e em 1972 lançaram seu segundo álbum pela subsidiaria de Cheess, a Janus Records, e na capa o nome da banda foi alterado para Mer-Da, o segundo álbum também sofreu com a falta de divulgação e os membros da banda se separaram, retornando para o R&B.

Em 2005 o selo Funky Delicacies lançou uma compilação do Black Merda - The Folks From Mother´s Mixer e graças a a essa compilação e uma nova atenção ao trabalho da banda, renasceu o interesse sob o black rock do inicio dos anos 70e os irmão Hawkins, juntamente com Veasey reuniram-se em 2005, participando de festivais em Detroit e também no Central Park Summer Stage em NY, assim como no Ottawa Blues Festival em 2006

Uma compilação de raridades intitulada The Psych-funk of Black Merda foi lançada em 2006, assim como os novos álbuns Renaissane e em 2009 lançaram Force of Nature. Em 2007 o Detroit Metro Times incluiu a música Cynthy-Ruth como uma das melhores canções de Detroit e em 2010 o seu álbum de estreia foi considerado o ‘maior sucesso que Detroit deveria ter”.

Quer ouvir mais de Black Merda (murder)...abaixo tem 2 albuns completo, que encontrei no youtube....

 

Tags: NoAr Black Merda

Max Everson
Por Max Everson 17/09/2018 - 15:29Atualizado em 17/09/2018 - 15:35

Os quatro compositores que fazem parte do momento cultural que floresceu no Rio de Janeiro no final da década de 50 e se espalhou pelo Brasil, entrou nos EUA com o Concerto do Carnegie Hall em 62 e ganhou o mundo, se juntaram para celebrar 60 anos com o show Os Bossa Nova.

Nascida como a música típica da Zona Sul do Rio de janeiro, porque era aqui que se encontravam os jovens pretensos compositores – vindos de várias partes do Brasil – que bem antes de Tom Jobim, Vinicius de Moraes e João Gilberto entrarem em cena, se encontravam para trocar ideias musicais nos bares, residências e praias da Zona Sul carioca buscando uma música que os representasse. Frequentes ouvintes do jazz americano, bolero mexicano, música francesa e dos impressionistas e das influências regionais de cada um, tirariam daí toda sua influência melódica e harmônica e buscariam na letra coloquial retratar seu cotidiano de amor, de praia, do Rio e da alegria de uma juventude que crescia numa época áurea do Brasil, na década de 50. Eram os trovadores modernos. Aqueles que falavam no ouvido da mulher, ao contrário da música popular brasileira da época que falava do sofrimento, da dor de cotovelo, dos porres no bar e de todo um cotidiano que não fazia parte daquela juventude.

João Gilberto, que timidamente os ia escutar no Bar do Plaza, acabou por frequentar essa turma e a sintetizar um jeito de tocar o samba sofisticado que todos eles procuravam. E aquela maneira sincopada de tocar, unida àquela voz suave, acabou por dar a forma final de um dos estilos musicais da Bossa Nova. O samba bossa nova.

E em uma de suas primeiras apresentações, Carlos Lyra, Sylvia Telles, Roberto Menescal e Luiz Eça, no Clube Hebraica, foram batizados de Os Bossa Nova porque o diretor cultural do Clube não sabia como os chamar. Eles gostaram do termo e começaram a intitular de Bossa Nova aquilo que faziam.

De lá pra cá, muitas lendas foram criadas, a Bossa Nova ganhou vários pais e nenhuma mãe, mas indiscutivelmente se fez ouvir no mundo e só assim se firmou no contexto nacional.

Desses quatro, Carlos Lyra – carioca de Copacabana – que frequentava o Bar do Plaza onde se encontrava com João Donato – acreano que vinha da Tijuca, para ouvir Johny Alf – carioca de Vila Isabel – tocar àquelas harmonias sofisticadas que o colocaram como um precursor daquela música que ainda estava em formação. Carlos e Donato se juntavam a outros na calçada em frente ao Plaza, brincando de fazer arranjos vocais. Na mesma Copacabana, morava o capixaba Roberto Menescal, que frequentava o mesmo colégio de Lyra e que conta ele – quando soube que este já tinha uma música gravada – se aproximou para conhece-lo. Dalí por diante, começaram a tocar juntos e Menescal estimulado por Carlos começava a fazer solos inspirados em seu ídolo da época, Barney Kessel e nunca mais voltou à Escola. E foi nessa Copacabana, aonde também morava o então menino carioca Marcos Valle, com pais paraenses e descendente de alemães, que essa juventude – de origens distintas – se encontrou e junta criou uma música que por mais que o tempo passe, sempre será moderna e seguirá encantando o mundo, com suas diversificadas influências.

Além de alguns de seus clássicos, eles mostram um vasto e novo repertório de parcerias entre eles e de músicas instrumentais que provam que a Bossa Nova é muito mais que um samba sofisticado. É uma música com toda a cor desse Brasil imenso, com vários sotaques e diferentes personalidades e unida pela criteriosa e sofisticada melodia, harmonia e interpretação.

 

Max Everson
Por Max Everson 17/09/2018 - 11:24Atualizado em 17/09/2018 - 11:27

Em meio a vários lançamentos aqui no Som Maior No Ar, Sia preparou mais uma novidade, desta vez com nada mais nada menos que Dolly Parton.

Ao lado da diva do country, a artista regravou o hit dos anos 70,  “Here I Am”. 

A versão original foi divulgada em 1971, como parte do álbum Coat of Many Colors de Dolly Parton.

a novidade fará parte da trilha sonora do filme “Dumplin'”, projeto de Dolly Parton que será lançado pela Netflix no dia 30 de novembro.

A trilha sonora do longa ainda contará com seis músicas inéditas de Dolly Parton.

Dolly Parton e Sia - Here I Am faz parte da programação Som Maior No Ar.

Max Everson
Por Max Everson 08/09/2018 - 18:45Atualizado em 08/09/2018 - 18:48

Banda conhecida após sua participação no programa global SuperStar transmitido pela Rede Globo, lançou depois de muito esforço e dedicação seu primeiro álbum de estúdio. O primeiro trabalho autointitulado Outro Eu conta com 4 faixas inéditas e 7 já mostradas anteriormente ao público.

O álbum apresenta uma colaboração com a cantora Sandy na faixa intitulada “Ai de Mim“, que futuramente foi incluída na trilha sonora da novela ‘O Outro Lado do Paraíso’ transmitida pela Rede Globo. A canção trás os vocais caricatos de Sandy deixando tudo mais harmonioso ao longo dos quatro minutos e onze segundos da faixa.

 

Max Everson
Por Max Everson 06/09/2018 - 11:28Atualizado em 06/09/2018 - 11:36

Quem nasceu no final dos anos 80 e início dos 90 sabe que essa década foi uma das melhores para a música. Nomes incríveis e também algumas “pérolas” surgiram nesse período, que foi definitivo para moldar o cenário atual.

É claro que são inúmeros os hits de sucesso que marcaram a época, mas selecionei 30 músicas que por si só já fizeram os anos 90 serem demais!

Confira!

Alice In Chains – Man in The Box

Blur – Song 2

Sixpence None The Richer – Kiss Me

Foo Fighters – Everlong

Stone Temple Pilots – Plush

Semisonic – Closing Time

Faith No More – Epic

Depeche Mode – Enjoy The Silence

Natalie Imbruglia – Torn

The Cramberries – Linger

R.E.M – Losing My Religion

Metallica – Enter Sandman

Pearl Jam – Jeremy

Nirvana – Smells Like Teen Spirit

Red Hot Chili Peppers – Under The Bridge

Spin Doctors – Two princess

Silverchair – Tomorrow

Counting Crows – Mr. Jones

Green Day – Good Riddance

No Doubt – Don´t Speak

Smashing Pumpkins – Bullet With Butterfly Wings

Oasis – Wonderwall

Alanis Morissette – Ironic

Spice Girls – Wannabe

Sublime – Santeria

Hanson – Mmmbop

The Offspring – Come Out And Play

Radiohead – Creep

Smash Mouth – All Star

Blink 182 – All The Small Things

qual a sua preferida? faltou alguma? deixe nos comentários!

Tags: NoAr Anos 90

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13