Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Região Sul apresenta gasolina mais barata do País

Região fechou o preço da gasolina a R$ 4,168 no mês de julho, mesmo com alta de 5,8%
Redação
Por Redação Criciúma, SC, 18/08/2020 - 08:44Atualizado em 18/08/2020 - 09:11
Arquivo / 4oito
Arquivo / 4oito

A Região Sul fechou mais um mês com alta no preço dos combustíveis. De acordo com o Índice de Preços Ticket Log (IPTL), a variação chegou a 8,25% no valor do diesel, 2,93% para o etanol e de 5,79% para a gasolina - as maiores diferenças de preço se comparadas a outras regiões brasileiras.

Os estados do Sul apresentaram os menores valores do País para o diesel, fechando em R$ 3,200, o diesel S-10 fechou em R$ 3,246 e a gasolina em R$ 4,168. Fazendo um comparativo de regiões, a gasolina no último mês foi cerca de 5% mais barata no Sul do que nos postos da Região Nordeste. Já o diesel S-10 figurou 13% mais barato no Sul do que no Norte.

Ao fazer um comparativo de preço por estados, é possível notar que o Paraná contou com o combustível mais barato da região para o diesel (R$ 3,114), o diesel S-10 (R$ 3,166), o etanol (R$ 2,898) e a gasolina (R$ 4,057). Ao comparar com mês de junho, a gasolina teve um aumento de 6,7% e manteve a alta nos últimos meses.

De acordo com Douglas Pina, Head de Mercado Urbano da Edenred Brasil, é possível que, com a nova composição da gasolina chegando ao mercado, o preço aumente ainda mais. “Estamos acompanhando as movimentações para entender de que maneira este novo combustível pode gerar um impacto no bolso do consumidor neste primeiro momento para, posteriormente se tornar um ganho maior em termos de consumo”, pondera o executivo.

O Rio Grande do Sul liderou os maiores preços para o etanol e a gasolina - com R$ 3,981 e R$ 4,292, respectivamente. Se comparado com o mês de junho, é possível notar um aumento de 3% para o etanol e de 6,1% para a gasolina.

Em Santa Catarina, os valores são os mais altos da região para os dois tipos de diesel - o comum, que registrou a média de R$ 3,260 o litro, e o S-10, que apresentou o valor médio nas bombas de R$ 3,296. Ambos demonstram aumento frente ao mês de junho, o diesel 8,01% e o diesel S-10 7,3%.  

O IPTL é um índice de preços de combustíveis levantados com base nos abastecimentos realizados nos 18 mil postos credenciados da Ticket Log, que tem grande confiabilidade, por causa da quantidade de veículos administrados pela marca: 1 milhão ao todo, com uma média de oito transações por segundo.