Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Operação Fio Desencapado investiga furtos de fios na Amurel

Veículos usados nas ações foram apreendidos, mais diversos itens como pedaços de fios, alicates e celulares
Por Redação Braço do Norte, SC, 25/03/2022 - 13:45 Atualizado em 25/03/2022 - 14:16
Fotos: Divulgação
Fotos: Divulgação

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

Na manhã desta sexta-feira (25), após alguns meses de investigações, forças policiais deflagraram a operação Fio Desencapado, que visa investigar e obter provas com relação aos crimes de furtos de fios elétricos. Nos últimos meses vinha ocorrendo uma onda de furtos de fios elétricos perpetrados contra associações desportivas e empresas de Gravatal e região. Só em Gravatal foram cinco furtos.

A ousadia dos criminosos foi tanta de que uma associação, localizada no bairro Várzea das Canoas, em Gravatal, foi alvo dos criminosos em duas oportunidades em menos de trinta dias. Estima-se que o prejuízo de cada vítima gire em torno de R$ 15 mil em cada furto.

Diante dos fatos, uma força tarefa foi montada envolvendo Policiais Civis e Militares de Gravatal, Braço do Norte e região, que passou a trocar informações e coletar provas dos crimes investigados, contando com apoio de várias vítimas e testemunhas que foram fundamentais no fornecimento de detalhes dos fatos investigados. Durante as investigações foram levantados indícios de que um grupo criminoso de Braço do Norte, com contatos em Gravatal, estaria praticando os atos. Foi possível identificar os membros deste grupo, as residências deles e os veículos utilizados nas empreitadas criminosas.

Busca e apreensão

Representou-se por mandados de busca e apreensão para as residências dos suspeitos. As medidas cautelares foram deferidas pelo Poder Judiciário da Comarca de Armazém, após parecer favorável do Ministério Público. Na manhã desta sexta foi deflagrada a operação para o cumprimento de três mandados de busca e apreensão, oportunidade em que foram reunidos fortíssimos elementos de prova com relação aos crimes investigados. Foi apreendido um dos veículos utilizados nos furtos, bem como identificados outros três carros suspeitos de estarem envolvidos nos casos investigados.

Além disso, na casa e nos veículos dos suspeitos também foram apreendidos alicates, pedaços de fios, celulares e outros elementos que corroboram com os fatos investigados. Também foi identificado os locais onde os fios eram queimados (na beira do rio, em Braço do Norte, e na casa de um dos suspeitos). Também foram identificadas algumas empresas de ferros velhos que estariam receptando os fios subtraídos, cujos responsáveis podem responder pelo crime de receptação qualificada.

Pelo menos oito pessoas suspeitas são apontadas nas investigações como ligadas aos crimes investigados. Não se descarta a hipótese de representação por outras medidas cautelares para instruir as investigações. O inquérito principal segue sendo instruído pela delegacia de Polícia de Gravatal.

A investigação

A operação contou com a participação de 16 policiais integrantes das delegacias de Gravatal, Armazém, Braço do Norte, Grão Pará e Rio Fortuna. Os policiais militares que participam desta força tarefa fazem parte da Agência de Inteligência de Gravatal e Braço do Norte, além do Pelotão de Patrulhamento Tático, Canil e RP Braço do Norte. Os trabalhos estão sendo coordenados pelo delegado Marcelo Santos de Bitencourt e o inquérito de Gravatal deverá subsidiar também investigações deflagradas pelas Delegacias de Polícia de Braço do Norte, Rio Fortuna e Grão Pará.

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito