Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Inês é morta

Redação
Por Redação Criciúma - SC, 22/10/2018 - 12:02

“As últimas pesquisas sentenciam: Inês é morta”. Foi com esta frase que Archimedes Naspolini Filho iniciou seu comentário no Bom Dia desta segunda-feira (22), referindo-se as pesquisas de intenção de voto para o segundo turno das Eleições 2018. Segundo o comentarista, a expressão “Inês é morta” ou “Agora é tarde, Inês é morta”, significa que é tarde demais para tomar atitude a respeito de alguma coisa.

“O ditado tomou conta do linguajar português. Quando não há mais nada a fazer, quando está tudo consumado, a expressão mais adequada é essa. E é isso que está ocorrendo com o processo eleitoral que desembocará nas urnas no próximo domingo”, afirmou Archimedes.