Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Guinga & Quarteto Carlos Gomes – Avenida Atlântica

Max Everson
Por Max Everson 20/10/2017 - 16:42Atualizado em 20/10/2017 - 16:43

Guinga, seus sonhos, seus amigos e seu tremendo talento

Redundância: Dizer que Guinga é um dos maiores compositores da
música brasileira.

Importância: Constatar que sua música é traço de união entre as
linguagens musical popular e a clássica no Brasil.

Neste belíssimo CD são convocados os amigos do Quarteto Carlos
Gomes, seguindo os arranjos exemplares de Paulo Aragão para as
obras do compositor como se descortinassem os segredos fantásticos
de Heitor Villa-Lobos na concepção de seus quartetos para cordas. A
presença de Guinga com seu violão realça esse filme de Fellini que
é a escuta deste CD mágico que nos leva às lágrimas em certas
ocasiões. E acreditem, há algo de felliniano nesse compositor
carioca, no seu amor ilimitado pelo Rio de Janeiro e por todos os
personagens que acompanharam seu percurso emocional na cidade
maravilhosa e na sua cidade interior.

Certo dia o profeta Rafael Rabelo me convidou para na sua casa
fazermos um encontro informal: ele, Paco de Lucia, Guinga e eu. Foi
uma noite memorável onde simplesmente e com um tremendo afeto
trocamos informações sobre nós mesmos e sobre nossos violões. E em
várias vezes que reencontrei o fabuloso Paco lembrava-se sempre com
funda admiração do inesquecível Guinga. Assim como Jodacil Damaceno
não esquecia aquele aluno fora de série e também o mestre João
Pedro Borges, nunca o esqueceu.

Por onde Guinga passou ficaram seus traços de talento fantástico,
mas igualmente da pessoa simples, do artista incorruptível e do ser
amoroso e dedicado aos outros, marcas profundas deste CD antológico
que marcará em nossas memórias como uma medalha de ouro.

 (Texto: ©Copyright All Reserved Sesc São Paulo)

4oito

Deixe seu comentário