Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
Eleições 2022

"Todo mundo fica se ensebando", diz Júlia Zanatta

Pré-candidata à deputada federal fala sobre coligações partidárias e afirma que não será vice de Jorginho Mello
Por Vítor Filomeno Criciúma, SC, 25/04/2022 - 09:08 Atualizado em 25/04/2022 - 09:16
Foto: Bruno Gallas/4oito
Foto: Bruno Gallas/4oito

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

Em entrevista ao Programa Adelor Lessa, da Rádio Som Maior, desta segunda-feira, 25, a advogada e jornalista Júlia Zanatta (PL) garantiu que só pensa na possibilidade de ser eleita à deputada federal. Ela negou colocar seu nome à disposição do seu partido para ser candidata a vice de Jorginho Mello (PL) ao Governo do Estado, em uma chapa pura.

"Eu penso que, neste momento, todo mundo fica se ensebando. Mas, aos 45 o segundo tempo, pulam no barco que estiver melhor. Eu penso que o Jorginho tem como ampliar isso, apesar da minha vontade de não ter muitas alianças. Eu não gosto desse ajuntamento partidário. No último momento, o Jorginho pode agregar algum partido, mas se não vamos para uma candidatura bolsonarista raiz, com um vice bolsonarista raiz. Temos vários nomes. Eu gostaria, porque não temos ninguém na majoritária do Sul. Mas, meu projeto é um só", afirmou.

Zanatta foi candidata à Prefeitura de Criciúma nas Eleições 2020, ficando na terceira colocação à época. Ela acredita que essa experiência possa ajudá-la no novo desafio.

"Eu penso que a eleição municipal que eu participei foi muito importante para este projeto de 2022. Me credenciou. Eu penso que agora as pessoas já conhecem mais a Júlia, eu fiquei na TV de Imbituba a Passo de Torres, dois minutos de TV, eu estive presente no microfone, eu tive uma exposição que, com certeza, vai ser importante para chegar à Câmara Federal", comentou.

Para ela, é Bolsonaro até 2026

Perguntada sobre as diferenças entre a eleição do presidente Jair Bolsonaro (PL) em 2018 e a sua candidatura à reeleição em 2022, a pré-candidata à deputada federal Júlia Zanatta apontou que ele passou de uma dúvida a uma certeza.

"O Bolsonaro, naquela época, era uma dúvida. Nem todo mundo conhecia. Eu lembro quando começamos a falar o nome dele, muita gente ficava na dúvida. Agora, o Bolsonaro é uma certeza, ele é o presidente. Os brasileiros patriotas são fãs dele, são apaixonados por ele, e sinto que eles querem a continuidade desse governo. Acho que temos tudo para ganhar em primeiro turno", explicou ela.

Ouça a entrevista da pré-candidata à deputada federal Júlia Zanatta (PL) na íntegra:

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito