Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Setor industrial de Siderópolis em crescimento constante

Cidade cresce com a indústria cerâmica, química, insumos industriais entre outros ramos
Vitor Netto
Por Vitor Netto Siderópolis, 18/12/2019 - 08:13Atualizado em 18/12/2019 - 08:21
Fotos: Luana Mazzuchello
Fotos: Luana Mazzuchello

Antigamente conhecida pela indústria carbonífera, Siderópolis completa nesta quinta-feira, 19, 61 anos de emancipação. Com o setor industrial em alta e crescimento constante, atualmente a cidade cresce com a indústria cerâmica, química, insumos industriais entre outros ramos. 

Há 28 anos em atividade, a Resicolor está entre as maiores emrpesas da cidade. Ela é a segunda maior empresa de receita de Siderópolis. A empresa trabalha com a produção de tintas e de insumos para a indústria de tintas. Ela foi a primeira do estado a produzir resina no estado. Atuialmente trabalha com países da América Latina e tem fábrica em Goiás. 

O ano de 2019 foi promissor para a empresa. "Vinhamos ensainado um ano difícil com todas as indústrias, mas o segundo semestre a empresa trabalhou muito forte e foi um ano muito promissor. Batemos as metas de 2019 e já estamos trabalhando com planejamentos para o ano de 2020", coloca a diretora comercial Resicolor Tintas, Rosana Comin Bortolatto. 

A Imepel é outra indústria de destaque na cidade, trabalhando há 12 anos uma das maiores empresa de componentes para correia transportadora . "Estamos em um crescimento constante e estamos atuando muito forte nos países da América Latina", coloca o gerente Comercial da Imepel, Agnaldo Silveira Vicente. 

Quimicer e Luxton Tintas trabalha também na cidade com produtos personalizados para indústria cerâmica. "A cidade é uma área próspera que cada vez a gente está crescendo mais", pondera o proprietário, Claudemar Madeira.

O empresário Jonathas Roberge é um dos sideropolitanos que saiu da cidade para trabalhar em Criciúma, contudo tem as suas raízes em Siderópolis. "É um povo muito honesto. Nossa região tem muito para crescer. Empreendedores estão surgindo e acredito que o turismo é o nosso novo norte", afirma.