Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Primeira orquestra feminina do Brasil se apresenta em Criciúma

Com obras de Vivaldi, show acontece no dia 10 de junho no município
Por Redação Criciúma, SC, 07/06/2022 - 20:13
Foto: Cristiane Gonzaga/ Divulgação
Foto: Cristiane Gonzaga/ Divulgação

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

O Projeto Bravíssimo Concertos Barrocos traz a Santa Catarina a orquestra curitibana Ladies Ensemble, com obras do compositor Antonio Vivaldi. As apresentações serão no dia 9 de junho, no Teatro Ademir Rosa, em Florianópolis, e 10 de junho no Teatro Elias Angeloni, em Criciúma. O projeto leva ao público a história da música Barroca e as apresentações são parte do Mia Cara 2022, o festival da cultura italiana cuja 10ª edição ocorre entre os dias 02 e 11 de setembro em Curitiba e outras quatro cidades do Paraná e Santa Catarina.

Compositor e músico italiano do período Barroco, Antonio Vivaldi (1678-1741) compôs a maior parte das suas obras para mulheres: suas alunas do “Ospedalle della Pietà”, instituição veneziana que acolhia meninas órfãs. Na época, a qualidade da interpretação da orquestra feminina despertava a atenção, atraindo público de toda a Europa a Veneza.

Três séculos depois, o protagonismo feminino se repete com as 20 instrumentistas profissionais da Ladies Ensemble, primeira orquestra profissional do Brasil formada exclusivamente por mulheres. Até mesmo as solistas são componentes do próprio grupo. “Comumente quando as orquestras escolhem os solistas para os espetáculos, as mulheres são preteridas, além da preferência ser por músicos convidados”, conta Fabiola Bach Akel, fundadora, diretora artística e musical da orquestra. Para esse espetáculo, serão dez solistas do grupo: Emelie Alves, Thalita Ferronato, Okasana Meister, Anadgesda Guerra, Juliane Weingartner, Karina Romanó, Morgana Schvetler, Rebeca Vieira e as irmãs Juslei e Gisele Borges. A regência será do maestro venezuelano Roberto Ramos.

O Projeto Bravíssimo Concertos Barrocos conta a história da música clássica através de intervenções didáticas, que contextualizam os compositores e suas obras por meio de explanações durante o espetáculo. Todas as apresentações são realizadas às 20h, e são gratuitas. No entanto, os ingressos devem ser retirados no site: www.sympla.com.br.

O programa

Considerado um dos nomes mais notáveis da música clássica mundial, Vivaldi se destacou principalmente por seus 477 concertos, que influenciaram diversos músicos de períodos posteriores.

Neste espetáculo serão apresentados Concerto para 4 Violinos em B Menor, RV 580 com as solistas Leila Tascheck, Thalita Ferronato, Oksana Meister e Anadgesda Guerra; Concerto em Lá Menor para Dois Violinos RV 522 com as solistas irmãs Juslei Borges Lajarin e Giselle Borges; As Quatro Estações com a Spalla da Orquestra Juliane Weingartner, na Primavera, Karina Romanó, no Verão, e Morgana Schvetler, no Outono; e a Abertura da Sinfonia L´Olimpiade Em Dó Maior, RV 725.

O projeto

O Bravíssimo Concertos Barrocos é mais um projeto da série Bravíssimo que, com ampla e distinta programação musical, tem por objetivo trabalhar a formação de plateia em música clássica e instrumental de cidades interioranas e capitais da Região Sul do país.

O Barroco foi a época de maior desenvolvimento para instrumentos como o cravo e o órgão, mas também surgiram várias outras formações para grupos menores de instrumentos. Em todas as linguagens da arte provocou o culto às dualidades. Estes contrastes são marcantes tanto na pintura e arquitetura, quanto na literatura e na música.

Nesta última, ponto de interesse deste projeto, houve uma mudança marcante por volta do século XVII quando seus compositores aproveitaram mais dos modos maiores e menores, conhecidos também como modo jônico e eólio, respectivamente. Foi a época em que a música ganhou proporções antes nunca atingidas, colocando em evidência grandes gênios da música notoriamente difundidos até a atualidade.

Nesse período da história da música surgiu a “suíte” e o que conhecemos hoje por concerto, dando novos rumos aos músicos e gerações de compositores, marcando o nascimento de uma nova era para a música. A importância da música barroca foi também fundamental para o surgimento da música de câmara e do drama cantado: a ópera.

O Bravíssimo Concertos Barrocos foi desenvolvido para apresentar a história da música barroca em concertos orquestrados pelas Ladies Ensemble, executando peças acompanhadas de intervenções didáticas. Uma especialista em história da música será responsável, durante os concertos, pelas narrativas sobre os compositores, suas obras e a influência deste gênero musical no período barroco. 

A Ladies Ensemble

Primeira orquestra formada só por mulheres no Brasil, a Ladies Ensemble atua desde 2009 e reúne musicistas de diferentes idades, vertentes, influências e inspirações. A orquestra é expoente em um universo com diminuta presença feminina em posições de liderança e mostra que mulheres podem ser protagonistas em uma orquestra. 

O apoio a causas femininas é uma de suas missões centrais — entre elas, a conscientização sobre o câncer de mama. Para isso, produz iniciativas como o “Concerto das Rosas” — espetáculo apresentado para milhares de pessoas entre 2017 e 2018 com o objetivo de arrecadar fundos para a compra de próteses mamárias.

Hoje com “casa própria” no Auditório Regina Casillo, em Curitiba, a Ladies Ensemble tem entre suas missões a formação de plateia, a democratização da música clássica e a formação de musicistas. Desde seu início pioneiro como noneto, em 2009, até hoje, a orquestra influencia e inspira outras mulheres a seguirem seus sonhos e paixões sem medo. 

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito