Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Para janeiro, um canteiro de obras na Santos Dumont

Construção do sistema de coleta de esgoto, anunciado ontem, deve coincidir com início dos trabalhos do binário na avenida
Por Bruna Borges Criciúma, SC, 14/11/2018 - 07:35
Guilherme Hahn / A Tribuna
Guilherme Hahn / A Tribuna

As máquinas começam a chegar em janeiro à Avenida Santos Dumont, em Criciúma. Devem iniciar no primeiro mês de 2019 as obras de esgotamento sanitário que abrangerão os bairros São Luiz e Michel. A ordem de serviço para que a empresa inicie os trabalhos foi assinada em cerimônia realizada ontem no Salão Ouro Negro do Paço Municipal Marcos Rovaris. 

Segundo a secretária municipal de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana, Katia Smielevski, a previsão é de que, na conclusão das obras de saneamento, a avenida já comece a receber a implantação do binário, com recursos internacionais do Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata).

“A projeção é de que passem as obras de esgotamento sanitário, depois a Prefeitura faz a operação tapa-buracos e, em seguida, planejamos já começar a drenagem para o Binário da Santos Dumont”, comenta Katia. 

Com a obra concluída, a avenida será duplicada, pois terá apenas um sentido. Já o sentido contrário será pela Avenida Carlos Pinto Sampaio, formando uma ligação entre os extremos da cidade – Pinheirinho e Próspera – e desafogando o trânsito na Avenida Centenário. 

“Pedimos para que as obras iniciem em janeiro e pelas avenidas Santos Dumont e Carlos Pinto Sampaio, porque é uma época de menos movimento e vai atrapalhar menos o comércio”, relata Nereu Tinelli, presidente da Associação de Moradores do Bairro São Luiz.

“Essas são obras muito aguardadas. Estamos aguardando há muito tempo a construção de quatro faixas elevadas em lugares onde acontecem muitos acidentes, mas a resposta era de que precisava acertar a obra do esgoto. Agora vamos ficar em cima e fiscalizar”, complementa Tinelli. 

Avenida Santos Dumont / Foto: Daniel Búrigo / A Tribuna

Quase 50% de cobertura

Em relação ao saneamento básico em Criciúma, já está concluída a estação de tratamento do Bairro Santa Luzia e segue em execução da implantação do sistema de coleta na região do Bairro Próspera, com previsão para ser concluído em dezembro de 2019. Com a inclusão dos bairros São Luiz e Michel, a cobertura da rede na cidade deve chegar próxima dos 50%. O prazo previsto para o término é julho de 2020. 

A obra é realizada com recursos do Governo do Estado, via Casan, em gestão compartilhada com a Prefeitura de Criciúma. O investimento somente nessa nova etapa é de R$ 15,9 milhões. O número de unidades domiciliares que terá acesso ao saneamento após o término dos serviços é de 2.443, atingindo mais de 10 mil pessoas.