Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Operação Mensageiro: Prefeitura de Tubarão emite nota após prisão preventiva de prefeito e vice

Ambos já contataram seus advogados e o expediente na prefeitura segue normal durante a tarde
Por Giovana Bordignon Tubarão, SC, 14/02/2023 - 13:10 Atualizado em 14/02/2023 - 17:36
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

A prefeitura de Tubarão emitiu uma nota em esclarecimento após a Operação Mensageiro, realizada na manhã desta terça-feira (14) em Tubarão. O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) deteve o prefeito Joares Ponticelli (PP), e seu vice, Caio Tokarski (União Brasil). Ambos já contataram seus advogados e o expediente na prefeitura segue normal durante a tarde.

LEIA MAIS:

Confira a nota na íntegra:

A Prefeitura de Tubarão, por meio do Gabinete do Prefeito/Departamento de Comunicação, informa que desde o início da manhã desta terça-feira (14), o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) e o Grupo Especial Anticorrupção (GEAC) do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) cumpriram mandados de busca e apreensão, nos gabinetes do prefeito e vice-prefeito de Tubarão, no Paço Municipal.

O prefeito Joares Ponticelli e o vice-prefeito Caio Tokarski acompanharam na prefeitura a ação dos agentes e prestaram todos os esclarecimentos solicitados. Após foram conduzidos pelos agentes a Florianópolis, onde serão ouvidos pelo Poder Judiciário em audiência de custódia, no início da tarde.

Conforme informou em nota o Ministério Público de Santa Catarina as ordens judiciais expedidas pelo TJSC e cumpridas nesta manhã fazem parte da 3ª fase da Operação Mensageiro, que apura suspeita de fraude no setor de coleta e destinação de lixo em diversas regiões de Santa Catarina.

A operação ocorre em segredo de justiça, por determinação legal, e tanto o prefeito como o vice-prefeito não foram informados oficialmente o motivo pelo qual foram conduzidos. Ambos já constituíram advogado que os acompanharão nas audiências em Florianópolis.

O expediente na prefeitura de Tubarão segue normal esta tarde. Os gestores da prefeitura reiteram o compromisso de atender a todas as determinações e prestar todo apoio às investigações promovidas pelo Ministério Público de Santa Catarina.

Copyright © 2022.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito