Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Onde estão os gols?

Criciúma e Metropolitano será o confronto dos dois piores ataques do Campeonato Catarinense
Por Lucas Renan Domingos Criciúma, SC, 09/02/2019 - 08:36
Foto: Daniel Búrigo / Arquivo / A Tribuna
Foto: Daniel Búrigo / Arquivo / A Tribuna

A principal necessidade para o Criciúma conseguir espantar a má fase no Campeonato Catarinense está clara: o Tigre precisa balançar as redes do adversário. Apesar de ter feito boas atuações nas primeiras rodadas da competição, a maior dificuldade da equipe tem sido alcançar o essencial em uma partida de futebol, o gol. No atual momento do estadual, o Criciúma tem o segundo pior ataque do Catarinense, com três gols marcados, na frente apenas do Metropolitano, justo o adversário deste sábado, que marcou apenas duas vezes.

 “Com certeza preocupa. Sem gols a gente não vence as partidas e precisamos das vitórias. Temos que fazer gols, ser mais assertivos nas chances criadas, principalmente nos jogos em casa, a gente tem criado muito”, destacou o técnico Doriva. Até o momento, foram apenas três gols marcados, nas seis partidas disputas, todos eles nas partidas em que o Criciúma saiu com a vitória – ao vencer o Marcílio Dias por 2 a 1 e bater o Atlético Tubarão em casa por 1 a 0.

“Não adianta fazer bons jogos, como a gente fez, e não fazer gols. Precisamos ter o resultado atrelado a esse jogo de posse de bola, isso é evidente. Estamos cobrando, incentivando, trabalhando principalmente para que os gols possam acontecer, mas que a gente não mude nosso jeito de jogar. Não mudo meu conceito de futebol, porque eu entendo que é a melhor maneira de jogar. Agora, é obvio que a gente precisa ter um aproveitamento melhor.”, acrescentou o treinador.

Time com novidades

O último treino antes de enfrentar o Metropolitano, foi na manhã de ontem, no gramado do Estádio Heriberto Hülse. A atividade foi fechada para a imprensa. Mas, pela equipe montada no trabalho de quinta-feira, Doriva deu sinais de quais devem ser as modificações no time para o confronto deste sábado.

Federico Platero é o mais cotado para fazer a sua estreia, entrando no lugar de Nino. Carlos Eduardo entra naturalmente na vaga de Maicon, que está lesionado e Zé Augusto dá lugar para Gabriel Henrique. A última troca, por opção do treinador.

“Fizemos alguns testes (no treino de quinta-feira). Temos que fazer porque eu não tinha visto a equipe ainda jogar. E tivemos um jogo treino durante a semana que foi produtivo para os atletas que não vinham jogando. Demos minutos para eles. Podemos observar o desempenho dos atletas e, daí sim, vamos pensar da melhor maneira que a equipe deve ficar em campo”, afirmou.

Ficha técnica (Prováveis times):

 

 

Criciúma:

 

Bruno Grassi;

Carlos Eduardo

Federico Platero

Sandro

Marlon;

Eduardo

Gabriel Henrique

Daniel Costa;

Reis

Ceará

Pedro Bortoluzo;

- Técnico: Doriva

 

Metropolitano:

 

Igor

Paulinho

Café

Clau

Jefinho

Leandro Melo (Ze Vitor)

Negueba

Ângelo

Ruan Oliveira

Ari Moura

Tripodi (JR Pirambu)

- Técnico: Abel Ribeiro

 

Local: Estádio Heriberto Hülse, Criciúma/SC

Quando: Hoje, às 17h

 

Árbitro: William Machado Steffen, com Henrique Neu Ribeiro e Gizeli Casaril