Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Natureza encanta no Morro dos Conventos

Balneário chama a atenção por seus paredões rochosos que atraem turistas e veranistas
Por Bruna Borges Araranguá, SC, 02/04/2019 - 15:04
Fotos: Daniel Búrigo / A Tribuna / Arquivo
Fotos: Daniel Búrigo / A Tribuna / Arquivo

Quem passa por Araranguá na BR-101 não imagina, mas a cidade tem também o seu recanto litorâneo. Dono de paredões rochosos, o balneário Morro dos Conventos atrai veranistas e turistas que procuram um local mais calmo para passar seus dias de férias e também por aqueles que buscam a prática de esportes radicais, como o voo livre.

“O Morro dos Conventos é um cartão-postal, é o que atrai as pessoas para o nosso município. Esperamos tanto o veranista, como também o próprio turista, que vem por causa das belezas naturais. Então, em 90 dias nós temos um turismo forte”, comenta o prefeito Mariano Mazzuco.

Distante aproximadamente 10 quilômetros do Centro da cidade, o Morro dos Conventos é endereço permanente de alguns araranguaenses e também é o destino de muitos outros na estação mais quente do ano. O empresário Everaldo João é um deles. “Eu moro lá no verão e é o paraíso, um lugar incrível”, comenta.

Ele lembra que há alguns anos o balneário era, ainda, destino daqueles que buscavam mais diversão no verão do Sul Catarinense. “O Morro dos Conventos por muitos anos foi referência não só pela beleza natural, mas pelos campings e pelas festas que lá aconteciam, pelo carnaval gigantesco que trazia milhares de pessoas”, conta.

Falta infraestrutura

Veranista e empresário do ramo de eventos, Everaldo relata que é preciso levar mais infraestrutura para a praia dos araranguaenses, como forma de aproveitar o cenário natural proporcionado pela natureza.

“Se for considerar no aspecto econômico, deixa a desejar, porque o Morro dos Conventos não é nada explorado. Não tem nada de atrativo a não ser as belezas naturais, porque a infraestrutura não é ideal para o desenvolvimento do turismo. Não tem muitos hotéis, pousadas, tem poucos restaurantes”, pontua.

“Os pontos turísticos não são bem divulgados. Eu acho que falta desenvolver um trabalho do Poder Público para poder também fomentar o investimento da iniciativa privada no local para que desenvolva o turismo de uma forma a aquecer a economia e gerar emprego através do turismo. Como o próprio Rio Araranguá, que é uma beleza impressionante”, afirma. 

Arroio do Silva

Já emancipado, mas antes pertencente a Araranguá, o Balneário Arroio do Silva é um vizinho que também traz desenvolvimento para a cidade. Por estar no caminho para a praia, Araranguá é visitada pelos turistas principalmente para compras. 

“Araranguá é polo e, com relação ao Arroio do Silva, que passa de 11 mil para 40 mil habitantes, o nosso município serve de apoio. Há uma troca, na verdade, mas eu acho que entre débito e crédito, o nosso município fica com um pouco mais de vantagem, mas não é uma vantagem que faz mal a ninguém, nós somos vizinhos parceiros. Essa é uma potencialidade que Araranguá tem e que aproveita”, relata o prefeito.