Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

"Não é um problema gerado pelo atual governo" diz Moacir Pereira sobre situação das rodovias estaduais

Tratam-se de 16 estradas localizadas no Grande Oeste e no Contestado, que totalizam 1.265 quilômetros de asfalto sem sinalização
Por Letícia Ortolan 08/07/2021 - 09:27 Atualizado em 08/07/2021 - 11:10
Foto: Divulgação / Ricardo Saporiti
Foto: Divulgação / Ricardo Saporiti

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

O comentário de Moacir Pereira, no Programa Adelor Lessa desta quinta-feira, 8, foi sobre as péssimas condições de várias rodovias estaduais, em Santa Catarina. Tratam-se de 16 estradas localizadas no Grande Oeste e no Contestado, que totalizam 1.265 quilômetros de asfalto sem sinalização, com buracos e ausência de manutenção. O diagnóstico foi feito pelo engenheiro Ricardo Saporiti. 

O estudo técnico foi apresentado nesta quarta-feira, 7, pelo Secretário Executivo, Egídio Martorano, em uma reunião do Conselho Estratégico de Transporte e Logística. A conclusão foi de que as intervenções paliativas, como por exemplo, operações tapa-buracos, não estão mais gerando resultados. 

Segundo Pereira, o problema destas rodovias já vem se formando desde governos antigos. "Não é um problema gerado pelo atual governo, mas sim que vem se deteriorando em sucessivas administrações que não deram a atenção devida”, disse. 

“Atingido exatamente duas das mais progressistas regiões de Santa Catarina, ao final da apresentação de fotos que mostram realmente grande impacto, o presidente Mario Cezar de Aguiar da FIESC, sentenciou para uma reunião virtual e presencial da Federação”, destacou o comentarista. 

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito