Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Mais fiscalização, menos acidentes com vítimas

Queda de delitos também tem relação com reforço em operações
Por Redação Criciúma, SC, 09/07/2019 - 00:08Atualizado em 09/07/2019 - 00:14

O comandante da 6° Região de Polícia Militar, coronel Cosme Manique Barreto, apresentou números expressivos na diminuição de acidentes na região. Com uma participação importante na diminuição, o Grupo de Operações, subordinado ao 9° Batalhão de Polícia Militar de Criciúma (9°BPM), foi criado em meados de 2017, com o objetivo de fiscalizar o trânsito, prevenir acidentes e coibir ações criminosas na região.

“O criminoso passa pelo trânsito, ele utiliza carros ou motos para realizar seus delitos. O Grupo de Operações foi um projeto incentivado por mim, criado no 9°BPM e que hoje consegue atender toda a região, com ações de prevenção que inclui a fiscalização de trânsito. Nós conseguimos deixar o bandido a pé e diminuir furtos e roubos na região, aonde só roubos chegam a impressionantes 50,92% a menos”, apontou Manique Barreto.

Só no ano de 2019, o Grupo realizou 6.450 abordagens a veículos e mais de 1.180 abordagens a pessoas. Foram 27 recusas ao teste do etilômetro, 10 prisão/apreensão confeccionados (4 mandados de prisão, 1 sinal identificador de veículo adulterado - clonado, 4 tráficos, 1 motocicleta com registro de furto), além de 64 termos circunstanciados (54 por posse de drogas), armas e demais infrações. 

Além de barreiras policiais, o grupo realiza fiscalização a estabelecimentos comerciais, como bares, normalmente localizados em regiões onde os índices de criminalidade são maiores. “Percebemos uma diminuição em acidentes de trânsito. Se compararmos o mesmo período do ano anterior, a queda em acidentes de trânsito com vitimas foi de 20,22% e isso impacta também na saúde, pois um acidente com vitima envolve leitos, médicos, enfermeiros e toda a estrutura de um hospital. São vidas sendo salvas e mais recursos na saúde disponíveis”, relatou Manique Barreto.