Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Lisca pede demissão no América Mineiro

Técnico colecionou sete jogos sem vencer, inclusive contra o Tigre na Copa do Brasil
Heitor Araujo
Por Heitor Araujo Belo Horizonte, MG, 14/06/2021 - 15:12Atualizado em 14/06/2021 - 15:16
Técnico viveu pior sequência da carreira: sete jogos sem vencer (Foto: Divulgação)
Técnico viveu pior sequência da carreira: sete jogos sem vencer (Foto: Divulgação)

O técnico Lisca pediu demissão do América Mineiro na tarde desta segunda-feira, 14, após uma sequência de sete jogos sem vencer, sendo seis deles sem marcar gols. Nesse meio tempo, o Coelho perdeu o título do Campeonato Mineiro para o Atlético, foi eliminado pelo Tigre na Copa do Brasil e foi à lanterna do Campeonato Brasileiro.

Segundo informações do Globo Esporte, Lisca demonstrou desconforto com a sua maior sequência sem vencer na carreira, em quatro empates e três derrotas, e com a falta de investimentos no América Mineiro. O pedido de demissão foi feito nesta segunda em reunião com a diretoria. O clube ainda não se manifestou sobre a decisão. 

Lisca levou o Coelho à semifinal da Copa do Brasil do ano passado e ao vice-campeonato da Série B. O bom trabalho fez-lhe ser cotado em grandes clubes do futebol brasileiro - no ano passado, negou proposta do Cruzeiro.

O técnico está sendo especulado para assumir o Internacional, clube que comandou profissionalmente em 2016 e tem longa trajetória na base. Também comentou-se que ele poderia substituir Guto Ferreira no Ceará.

A seca de Lisca no América Mineiro começou na final do Mineiro, com dois empates sem gols contra Atlético Mineiro. Na sequência, perdeu na estreia do Brasileirão por 1 x 0 contra o Athletico Paranaense, empatou sem gols contra o Tigre no Independência, onde perdeu para o Corinthians no nacional.

Em seguida novo empate, dessa vez por 2 x 2, contra o Tigre na Copa do Brasil, culminando na desclassificação nos pênaltis. O ponto final da trajetória de Lisca no América Mineiro foi no último domingo, derrota por 2 x 0 contra o Flamengo no Maracanã.