Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Jessé Lopes ainda não recebeu carta de expulsão do PSL

Deputado reclama que não recebeu ligação de Moisés, para esclarecer o assunto
Erik Behenck
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 26/08/2019 - 09:23Atualizado em 26/08/2019 - 10:09
(foto: arquivo 4oito)
(foto: arquivo 4oito)

O deputado estadual Jessé Lopes (PSL) ainda não recebeu nenhum documento oficial sobre a expulsão do partido. O assunto ganhou destaque na última semana, após posições contrárias do parlamentar ao Governo Moisés. Em entrevista ao Programa Adelor Lessa, Jessé revelou como agiu assim que ficou sabendo da questão envolvendo o seu nome.

“Eu fiquei o dia inteiro tentando contatos, para que o deputado Fabio Schiochet pudesse me dar um retorno. Ele sempre ficava me falando que depois ligaria, levou o dia inteiro para dar uma satisfação, já era umas 21h. Naquele momento ele falou que era uma denúncia anônima, mas se fosse anônima, não causaria tudo isso”, afirmou.

Os advogados do deputado devem entrar em contato com a executiva nacional durante a semana, para verificar se existe ou não um procedimento para a expulsão. Até o momento, nada oficial chegou a Jessé. Reclamou ainda que por enquanto não recebeu uma ligação do governador Moisés, para esclarecer que não foi ele o responsável pelo pedido

“Ainda não, são essas evidências que ficam claras as coisas. Eu já vi algumas reportagens com ele dizendo que não sabe de nada. Então porque ele não se manifesta a favor? É por isso que a gente vai entendendo que partiu dali. É lamentável, causa um desgaste no partido e para todo mundo”, concluiu o deputado.

Na última quinta-feira, 22, o PSL emitiu uma nota informando que o pedido de expulsão não partiu de Carlos Moisés.