Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Governador defende a Política Hospitalar Catarinense

Por ela, o Hospital São José passará a receber R$ 150 mil a menos do Estado em 2020
Denis Luciano
Por Denis Luciano Criciúma, SC, 13/09/2019 - 21:57Atualizado em 13/09/2019 - 22:04
Foto: Maurício Vieira / Secom
Foto: Maurício Vieira / Secom

Entra em vigor em janeiro a nova Política Hospitalar Catarinense, construída pelo Governo do Estado. Pelo novo formato, o Hospital São José (HSJ) de Criciúma, por exemplo, passará a receber R$ 150 mil a menos por mês de repasses estaduais a partir de 2020. 

"Essa decisão que modifica o jeito de repassar dinheiro público para os hospitais filantrópicos foi decidida inclusive com a participação de todos os diretores de hospitais e com a CIB, com os intergestores, com governo e sociedade organizada participando desse novo modelo. Essa nova modelagem criou hospitais por níveis, o São José é nível 4. Temos três hospitais que são nível 5, em Itajaí, Chapecó e Tubarão", respondeu o governador Carlos Moisés durante visita à Unesc, quando questionado sobre o tema após o ato no qual entregou R$ 22,5 milhões para recuperar a Rodovia Jorge Lacerda e R$ 8 milhões para a estruturação do Centro de Inovação de Criciúma.

Confira também - Governador anuncia R$ 30,5 milhões de investimentos para Criciúma

"Os hospitais nível 5 recebem um pouco mais de recursos. Os de nível 4 recebem um pouco menos, R$ 12 milhões por ano", detalhou, mencionado o caso do HSJ. Moisés afirmou que esse modelo está consolidado para o primeiro semestre de 2020. "Assim que rodarmos no primeiro semestre do ano que vem, o governo reavalia, o hospital pode galgar novos recursos subindo da categoria 4 para a 5", apontou, citando possibilidade de revisão a partir do segundo semestre do ano que vem. "Isso é cuidado com o dinheiro público, para não liberar simplesmente não persiga o que aconteceu com o dinheiro público. Essa lógica foi aprovada por esses conselhos intergestores e o governo", complementou.

Confira também - A aposta do governador é nas economias

Em contrapartida, o governador defendeu os investimentos que o estado vem fazendo na saúde em Criciúma. "O investimento em saúde em Criciúma está aumentando. Em 2018 o governo investiu R$ 27 milhões nos dois hospitais, Santa Catarina e São José. Investirá em 2019 R$ 37  milhões e até R$ 50 milhões de acordo com resposta e produtividade em 2020. E essa é uma política em constante revisão", concluiu.

Confira também:

 

Hospital São José perde R$ 150 mil ao mês

Diferença de verba para hospitais de Tubarão e Criciúma é de R$ 1milhão mensais

Secretário explica a perda de verbas pelo Hospital São José

Para a prefeitura, Hospital São José está sendo injustiçado