Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Gastos da Câmara de Içara poderiam ser minimizados com redução de vereadores

OS apontou que legislativo içarense gasta 75% mais do que municípios de mesmo porte
Por Clara Floriano Içara - SC, 21/09/2018 - 09:56Atualizado em 21/09/2018 - 10:00
(foto: reprodução/ Câmara Içara)
(foto: reprodução/ Câmara Içara)

O Observatório Social do Brasil de Içara (OSBI) apresentou ontem seu primeiro relatório após um quadrimestre de atuação. O levantamento apontou que a Câmara de Vereadores gasta 75% a mais do que em municípios do mesmo porte em Santa Catarina.

“Temos um bom diálogo com o Observatório Social. Acredito que é uma nova forma de fazer política. As pessoas tem que saber como é gasto o dinheiro público. Uma das propostas colocadas para evitar gastos e que foi apresentada no início do ano, é a redução do número de vereadores”, contou o vereador e presidente da Câmara de Vereadores de Içara, Alex Michels.

Segundo Michels, Içara tem 15 vereadores, enquanto as outras cidades de mesmo porte do estado, que foram apontadas no levantamento do Observatório Social, tem entre 10 e 13. “O número de funcionários efetivos também é menor. O valor do aluguel também. Nunca na história da Câmara tinha sido feita uma redução no valor do aluguel e no ano passado, quando entramos, fizemos uma renegociação. Não conseguimos reduzir muito, mas foi uma redução de R$ 4 mil”, explicou.

O presidente da Câmara explica que, se houvesse a redução de 15 para 11 vereadores, traria uma economia de R$ 3 milhões em quatro anos. “O projeto existe, deve entrar em pauta, mas deve passar pelo pleno, não cabem apenas ao presidente. Se coubessem algumas delas seriam mais fáceis de serem feitas”, afirmou.