Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Escritora radicada em Criciúma participa da Feira do Livro de Lisboa

Obra "ELAS", de Maria Regina Chagas de Souza Vieira, foi lançado na Acic em março
Redação
Por Redação Criciúma, SC, 02/09/2020 - 21:34
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Reunindo contos inspirados no universo feminino, a obra "ELAS", da escritora Maria Regina Chagas de Souza Vieira, é um dos títulos em exposição na Feira do Livro de Lisboa, em Portugal. Radicada em Criciúma, a autora integra o evento também como participante da Coletânea Sem Fronteiras pelo Mundo.

O lançamento do livro "ELAS" ocorreu em março, em evento na Associação Empresarial de Criciúma, por meio do Projeto Cultura Acic.

"Fui convidada pela minha participação na antologia publicada pela editora Sem Fronteiras e pelo 'ELAS'. O livro está no catálogo internacional e estamos cruzando os dedos para que desperte o interesse e seja publicado também na Europa", afirma Maria Regina, que representa o Estado na feira portuguesa.

Primeiro trabalho solo

Professora, com formação em Letras, a escritora já era coautora de diversas coletâneas e antologias, mas teve no livro "ELAS" o primeiro trabalho solo, ao qual pôde se dedicar após a aposentadoria do magistério.

Natural do Rio Grande do Sul, Maria Regina reside em Criciúma desde os quatro anos de idade. É membro fundadora da Associação de Jornalistas e Escritores do Brasil (AJEB) - coordenadoria Santa Catarina, membro Imortal da Academia Sul Catarinense de Letras e Artes (Ascla) e membro do Grupo Compar. Poesias.

Sobre o evento

Em sua 90ª edição, a Feira do Livro de Lisboa iniciou na última quinta-feira, 27, e se estenderá até 13 de setembro. Serão 18 dias de livros no Parque Eduardo VII, na capital portuguesa, com 310 pavilhões, 117 participantes e 638 marcas editoriais representadas. O evento é organizado pela Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL) e pela prefeitura de Lisboa.