Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Eleger um senador bolsonarista é a prioridade de Luciano Hang

O empresário vai continuar como ativista político e, por pouco, filiou-se ao PL
Por Enio Biz Criciúma, SC, 31/03/2022 - 08:26 Atualizado em 31/03/2022 - 09:40
Foto: Arquivo / 4oito
Foto: Arquivo / 4oito

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

O empresário, Luciano Hang, dono da rede Havan, participou do programa Adelor Lessa desta quinta-feira (31), um dia após anunciar a decisão de não ser candidato ao Senado. Com a participação do jornalista, Upiara Boschi, Hang falou sobre família, empreendimento, ativismo político e, deixou claro, que irá trabalhar para eleger um senador bolsonarista.

"Não preciso ser candidato, mas quero ajudar o presidente. Precisamos escolher bem o nosso senador. Vai do catarinense eleger um senador que coloque as duas mãos no fogo para o presidente. Existe dois tipos de político. O tomate, que é aquele vermelho por dentro e por fora. E o melancia, verde por fora e vermelho por dentro. Hoje, tem candidatos que trocam de partido por conveniência própria, não pensando em Santa Catarina e nem no país. Não votem por votar. O voto errado é igual boomerang, ele volta. E note que a esquerda está sempre ao lado do mal", disparou o empresário.

Leia também: Mais sobre a saída de Luciano Hang da disputa

Luciano Hang, no entanto, não indicou um nome em que poderia apoiar. "Temos ótimos candidatos que nunca foram senadores. Temos que votar em candidatos que acreditamos, que faça o certo. O político tem que pensar nas próximas gerações, e não nas próximas eleições. Cuidado com os falsos profetas. Vamos ficar de olho", frisa.

A chapa João Rodrigues/Clésio Salvaro/Luciano Hang não teve seguimento. Os três anunciaram suas desistências nesta semana. O empresário falou sobre o mergulho que deu na política nos últimos tempos. "A política é dinâmica. Dependendo do vento, ela muda. Em junho e julho do ano passado, uma pesquisa apontava que eu estava na liderança. Desde o princípio, eu não tinha interesse de ser político, mas sim, ativista político. E na live de ontem, baseada na família, nos colaboradores da Havan, no incidente que o meu filho teve, tudo isso me fez repensar rapidamente a minha vida. Eu já tenho pouco tempo com a minha família, e se eu me envolvesse na política, eu seria atuante, deixando aionda mais de lado a minha família e a minha empresa. Tenho certeza que tomei a decisão certa", enfatiza.

Hang revelou que estava propenso a se filiar ao Partido Liberal (PL), mesmo partido do presidente Jair Bolsonaro, porém a decisão não amadureceu. Sobre o futuro político, ele foi enfático. "O presidente me pediu para ajudar entrando no Congresso Nacional. Tomei a decisão de não entrar. Não sei o que vai acontecer no futuro, mas sei que não deixarei de falar o que penso e não deixarei de trabalhar em prol ao nosso país", finaliza Luciano Hang.

Confira o podcast da entrevista do empresário, Luciano Hang:

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito