Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Criciúma recebe Copa de Handebol Feminino

Evento marcará fim do calendário de competições da equipe adulta da cidade
Por Lucas Renan Domingos Criciúma, SC, 23/11/2018 - 14:00
Além de Criciúma, outros quatro times disputarão a competição/Foto: Divulgação/FME
Além de Criciúma, outros quatro times disputarão a competição/Foto: Divulgação/FME

A Associação Criciumense de Handebol Feminino (Acrihf), em pareceria com a Fundação Municipal de Esportes (FME) do município, realizará neste fim de semana a 1ª Copa Acrifh de Handebol Feminino 2018. O evento está marcado para o próximo domingo no Ginásio Municipal de Esportes de Criciúma e reunirá, além do time criciumense, outras quatro equipes do Estado de Santa Catarina.

Conforme a atleta e uma das organizadores da Copa Acrifh, Camila Souza, o objetivo principal da competição é fomentar a modalidade e encerrar as atividades da categoria em 2018. “Este ano foi de superação para nós. Ano passado não tivemos a categoria feminino adulto na FME e em 2018 retornamos. Tivemos muito empenho das atletas para reestruturar a equipe e manter um ritmo de jogos constantes. Participamos de três campeonatos ao longo do ano e todos com bom desempenho”, destacou.

Além de Criciúma foram convidadas para participar do evento o time de São José, Lages, Brusque e Florianópolis. “Convidamos outras equipes mais algumas ainda estão em campeonatos como é o caso de Concórdia e Bluemenau, que disputam no momento a Liga Nacional de Handebol, então não puderam participar”, acrescentou Camila.

Forma de disputa e premiações

As partidas estão marcadas para acontecerem a partir das 8h30min. A disputa será em turno único, onde todas as equipes se enfrentarão e as três melhores colocadas formam o pódio. “Vamos ter também a premiação para a jogadora destaque”, emendou Camila.

Outra justificativa para promover o evento, lembra a organizadora, é ampliar o calendário de jogos da equipe para manter o nível pensando nas competições do ano que vem. “Os campeonatos que participamos se encerram no mês de outubro. Como ainda restavam dois meses para o fim do ano e continuamos treinando, resolvemos colocar mais este evento em nosso ano e também já celebrar o encerramento das atividade”, apontou.

Mesmo sendo a primeira edição da Copa. Ela não descarta a continuidade nos anos seguintes. “Nossa proposta é essa. Esperemos que o público prestigie esta primeira edição. A entrada é gratuita”, completou.