Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Cabral fala sobre a morte do Cabo Amarildo

Coronel destacou que a morte de policiais geralmente é assumida por adolescentes
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 05/06/2018 - 14:42 Atualizado em 05/06/2018 - 14:43

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

Em seu comentário no quadro Cidadania e Segurança desta terça-feira (5), o Coronel Cabral falou sobre a morte de policiais, especificamente a do Cabo Amarildo Vieira, executado com seis tiros em Criciúma, quando atuava de segurança para completar a renda militar. Segundo Cabral, a morte foi pouco divulgada, sendo tratada como apenas mais uma.

“Os culpados de sua morte certamente serão descobertos. Torço para que não Haja entre os culpados um menor de 18 anos que acabará assumindo o crime em nome de todos os culpados. Se houver esse menor, ele terá a grandiosíssima pena de três anos de internação, comendo do bom e do melhor de graça”, analisou. 

Cabral também falou sobre o que acontece geralmente com as famílias que passam por uma situação como esta. “A família da vítima talvez consiga pagar algumas consultas a valores médios com um profissional da psicologia em início de carreira, porque esse buraco jamais se fechará”.

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito