Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

“Acatamos, mas não concordamos”, diz Salvaro sobre ação da Justiça contra decreto municipal

MP ingressou contra medida que desobrigava o uso de máscaras em locais abertos
Por Vítor Filomeno Criciúma, SC, 27/10/2021 - 11:35 Atualizado em 27/10/2021 - 13:13
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

Em vídeo publicado nas redes sociais nesta quarta-feira, 27, o prefeito Clésio Salvaro afirmou que a Prefeitura vai recorrer da decisão da Justiça que suspendeu o decreto que desobrigava o uso de máscaras nos ambientes externos, em Criciúma. O Ministério Público de Santa Catarina (MP-SC) ingressou com uma ação civil pública parra derrubar a medida na cidade. Segundo o MP, a norma municipal é ilegal por contrariar lei federal e decreto estadual sobre as regras na pandemia.

“É sobre aquele meu decreto de desobriga as pessoas a usarem máscara em locais abertos. A justiça de primeiro grau disse: 'Olha, esse decreto do prefeito não vale'. Muito bem, nós acatamos a decisão judicial, mas nós não concordamos. Por isso nós vamos recorrer dessa decisão, ao Tribunal de Justiça, onde nós vamos dizer que o município de Criciúma tomou todas as medidas sanitárias”, garantiu Salvaro.

Confira o vídeo na íntegra:

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito