Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Requerimento do senador Esperidião Amin é aprovado e CPI da Chapecoense será prorrogada

Objetivo da Comissão prevê o pagamento das indenizações às famílias das vítimas do acidente
Por Redação Florianópolis, SC, 18/05/2022 - 17:21 Atualizado em 18/05/2022 - 17:23
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

A CPI da Chapecoense, que encerraria seus trabalhos na semana que vem, será prorrogada após requerimento apresentado pelo senador Esperidião Amin, em reunião realizada nesta quarta-feira (18), no Senado Federal. O objetivo principal da CPI, que era o pagamento das indenizações à família das vítimas e punição dos responsáveis pelo acidente, não foram alcançados até o momento.

A prorrogação se deu com o apoio dos demais integrantes e dos representantes das famílias. A expectativa agora é que a CPI seja encerrada perto do fim do prazo de funcionamento, 11 de julho. Até lá, novas contribuições devem ser incorporadas ao texto pelo relator Izalci Lucas.

- Se isso fosse o final da CPI, ou o final da negociação, seria muito frustrante. Então, temos que ter uma prorrogação para que se assentem as bases da negociação - afirmou Amin. 

Para o senador, antes da conclusão dos trabalhos, é preciso ouvir o representante da Tokio Marine inglesa, cujo depoimento chegou a ser marcado para 31 de março de 2020, mas não ocorreu por causa da pandemia de Covid-19. Amin convenceu os colegas a insistir em ouvir representantes da corretora Aon e requereu que também sejam 

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito