Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Paulo Bauer lançará pré-candidatura ao Governo de SC hoje

Evento de confirmação acontece hoje, às 13h30, em Florianópolis
Por Clara Floriano Criciúma - SC, 19/04/2018 - 10:32Atualizado em 19/04/2018 - 10:48
(foto: Agência Senado)
(foto: Agência Senado)

O senador Paulo Bauer lança hoje sua pré-candidatura ao Governo do Estado de Santa Catarina pelo PSDB. Uma coletiva deve acontecer às 13h30, em Florianópolis, para confirmar a pré-candidatura. Continuando a Série Eleições 2018, o Programa Adelor trouxe na manhã de hoje uma entrevista com Bauer.

“Queremos ter uma eleição vitoriosa. Não para o partido ou para o candidato, mas para a sociedade catarinense. Santa Catarina pode e precisa avançar mais. Por isso, essa reunião de hoje é tão importante”, disse.

Segundo Bauer, o PSDB tem apenas um candidato ao governo do Estado, que é ele mesmo. “O candidato chama-se Paulo Bauer. Portanto, aquelas especulações de que o PSDB poderia abandonar esta ideia e apoiar outra candidatura em troca do apoio de outro partido para eleição presidencial, fica demonstrado que não será viabilizado”, esclareceu.

Além disso, Bauer afirma que o lançamento de sua pré-candidatura confirma que uma unidade dentro do PSDB. “Não há dois ou três nomes dentro do PSDB para o Governo do Estado. Há só um nome e este nome será apresentado hoje e homologado na convenção no mês de julho”, afirmou.

O pré-candidato disse que ainda é preciso buscar entendimentos com outros partidos para possíveis coligações. “A partir do momento que o PSDB tem seu candidato apresentado e candidatura única, obviamente que estas conversas se tornam mais concretas, viáveis e produtivas”, disse.

Aécio Neves

Para Paulo Bauer a situação do senador e ex-presidente do PSDB Aécio Neves, que se tornou réu no STF por corrupção e obstrução da Justiça, não deve interferir em sua candidatura nas eleições deste ano.

“Os nossos eleitores tem muita consciência e muita compreensão do que são fatos políticos eleitorais e do que são fator jurídicos políticos. Aécio Neves hoje responde a um processo, mas esse é um assunto da pessoa física e não do Partido. Não devemos culpar o partido”, esclareceu.

Bauer falou ainda que o fato de ter sido citado na delação premiada de diretores da JBS. “Eu tenho dito que tenho 40 anos de vida pública, completamente decente, honrada, transparente e responsável. Hoje até um ex-presidente está cumprindo pena. Portanto, a lei é para todos. Se alguém sabe algo de algum político ou tem alguma dúvida, deve denunciar. Os políticos tem que cumprir a lei. Se alguém fala alguma coisa de mim, tenho que ser objeto de investigação.  Portanto, como não tenho nenhum problema, tenho zero preocupação quanto a isso”, afirmou.