Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Para Paulo Gonçalves, situação quanto aos candidatos do Governo de SC é incerta

Segundo jornalista político, dois nomes são favoritos para presidência: Bolsonaro e Lula
Por Clara Floriano Criciúma - SC, 17/01/2018 - 09:08Atualizado em 17/01/2018 - 11:32
(foto: reprodução/ Rádio Rural)
(foto: reprodução/ Rádio Rural)

A atual situação polícia e as eleições que estão por vir geram grandes dúvidas e incertezas. Pensando nisso, o Programa Adelor Lessa tem trazido, desde segunda-feira, grandes nomes do jornalismo político de diferentes regiões de Santa Catarina. Nesta quarta-feira (17), o entrevistado foi Paulo Gonçalves, jornalista político de Concórdia.

“Existe ai ainda uma situação incerta quanto aos candidatos no estado. Temos a possibilidade do PSD com Gelson Merísio ou João Rodrigues. Temos o PMDB com o Mauro Mariani. O PSDB com Paulo Bauer. O Partido Progressista cogita o nome do Amin. Esses são os principais nomes. Vai ser uma eleição interessante, porque até então o PSD e o PMDB estavam juntos e agora são adversários”, afirmou.

Segundo Gonçalves, três nomes de Concordia devem concorrer ao cargo de deputado estadual. “Aqui na região temos o Neodi Saretta o Moacir Sopelsa que devem concorrer à reeleição. Temos o vice-prefeito de Concórdia, o Edilson Massocco, que pode ser uma terceira força. Então podemos ter três nomes com potencias chances de conquistar uma vaga na Assembleia Legislativa”, revelou.

Já para as eleições presidenciais, na cidade de Concórdia dois nomes são favoritos. “Recentemente fizemos uma pesquisa na Rádio Rural e nessa enquete o nome do Bolsonaro teve uma força grande, muito maior até que a do Lula. Esses dois nomes despontam com força na região de Concórdia”, comentou.