Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Milton Hobus: “Alguns pontos da reforma não eram justos", sobre projeto dos servidores públicos estaduais

Confira o quadro Plenário da manhã desta quarta-feira, 28, no Programa Adelor Lessa
Letícia Ortolan
Por Letícia Ortolan Florianópolis - SC, 28/07/2021 - 10:50Atualizado em 28/07/2021 - 12:36
Foto: Arquivo / 4oito
Foto: Arquivo / 4oito

Uma das entrevistas feitas no quadro Plenário na manhã desta quarta-feira, 28, no Programa Adelor Lessa, foi com o Deputado Milton Hobus (PSD). O assunto tratado junto ao jornalista político Upiara Boschi, trouxe as alterações propostas pelo Governo de Santa Catarina na Reforma da Previdência dos servidores públicos estaduais, entregues na Assembleia Legislativa (Alesc), nesta terça-feira, 27. 

O deputado destacou que o substitutivo global apresentado, foi fruto de um trabalho grande feito pelos parlamentares das três principais comissões técnicas da Alesc. O intuito era mostrar os contrapontos do projeto da reforma em situações específicas, como: regra de transição, proposta do parlamento para o executivo; a contribuição extraordinária dos servidores públicos estaduais e a segurança pública.

“Alguns pontos da reforma não eram justos", destacou Hobus, acrescentando que “Um exemplo é: tem muita gente próxima da aposentadoria que iria dar um grande degrau e a gente faz justiça para aquelas pessoas que já tem um tempo de contribuição. Essas regras valem para todo esse ano e tira um grande temor de uma grande parcela do funcionalismo público”. 

Ouça a entrevista completa abaixo: