Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Medidas para prevenir roubos em ônibus são discutidas

Preocupação é com a série de ataques a ônibus de fretamento e de turismo em rodovias de Santa Catarina
Por Redação Criciúma, SC, 16/08/2019 - 15:49Atualizado em 16/08/2019 - 15:50
Divulgação
Divulgação

Os frequentes roubos em ônibus de fretamento e de turismo nas rodovias catarinenses foram a principal pauta discutida em visita do deputado João Amin (PP) à Câmara de Criciúma nesta sexta-feira, 16. Para buscar soluções para o problema, uma reunião será agendada com o secretário estadual de Segurança, o chefe da Polícia Civil e deputados estaduais e federais da região. O encontro deverá ocorrer na CDL.

Estiveram na reunião desta tarde, o presidente do Legislativo, vereador Miri Dagostim (PP), vereador Edson Luiz do Nascimento (PP), e a presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), Andréa Salvalaggio.

No mês de julho uma comitiva de Criciúma, formada por vereadores, diretores da CDL, empresas de ônibus e lojistas, já havia ido à Capital para discutir o assunto com a Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano da Alesc. Dentre as sugestões propostas estão o aumento do efetivo de policiais rodoviários, aumento da cobertura celular e de câmaras de monitoramento nas rodovias, além da integração dos serviços de inteligência das polícias no combate ao crime.

Atualmente, Criciúma conta com cerca de 20 empresas que realizam o transporte de passageiros aos estados vizinhos. São cerca de 280 passagens vendidas por semana, um fluxo de quase três mil viajantes por mês nas regiões da Amrec, Amesc e Amurel.