Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Eduardo Bolsonaro estará na segunda-feira em Criciúma

Deputado federal e filho do presidente virá pela segunda vez à cidade. Ele participará de uma reunião política
Vitor Netto
Por Vitor Netto Criciúma - SC, 17/07/2020 - 13:04Atualizado em 17/07/2020 - 13:04
Foto: Arquivo / 4oito
Foto: Arquivo / 4oito

O deputado federal e filho do presidente Jair Bolsonaro, Eduardo Bolsonaro (PSL), virá para Criciúma pela segunda vez. Eduardo estará de passagem pelo Rio Grande do Sul e virá para a cidade na próxima segunda-feira, 20. Na outra passagem por Criciúma, o deputado realizou uma palestra com o tema "A História do Brasil e o Conservadorismo", que lotou o Teatro Elias Angeloni. Nesta vez, Eduardo fará uma visita à cidade, participando de uma reunião com os dirigentes municipais e estaduais do Partido Liberal (PL). 

Eduardo chega em Criciúma ainda no período da manhã, próximo ao meio dia. À tarde, ele participará de uma reunião fechada com os dirigentes, contando com a participação do senador Jorginho Mello, da pré-candidata do partido à prefeitura Criciúma, Júlia Zanatta, e os pré-candidatos a vereador. A informação da vinda do deputado foi confirmada por Júlia Zanatta. "Ele chega para almoçar e depois vai ter um encontro com os pré-candidatos", destacou. 

Júlia tem amizade de longa data com Eduardo. A relação é profissional também, pois ela, enquanto advogada, fez a defesa da esposa do deputado, Heloisa Bolsonaro, em uma ação onde ela foi citada em uma reportagem da Revista Época, que contestava os trabalhos de coaching on-line que Heloisa presta. Júlia ganhou a ação. Recentemente Eduardo voltou a falar de Júlia, quando participava de uma live no canal Terça Livre

"É a segunda vez que ele vem para Criciúma, única cidade que ele tem realizado algum gesto deste estilo. Então ele tem interesse em ajudar Criciúma e isso representa que a cidade está sendo vista por Brasília", comentou Júlia. A reunião será fechada e ocorrerá na Igreja Quadrangular, contando com 26 pré-candidatos do partido. 

Eduardo Bolsonaro no estúdio da Rádio Som Maior