Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
Eleições 2020

Divulgação de debate em rede social de prefeitura rende polêmica

Material de campanha de Daniel Viriato postado nas redes sociais Executivo de Araranguá resulta em pedido de cassação de Daniel Viriato
Denis Luciano
Por Denis Luciano Criciúma, SC, 16/10/2020 - 14:35Atualizado em 16/10/2020 - 14:41
Reprodução
Reprodução

Uma polêmica ronda a eleição em Araranguá, relacionada ao debate da última sexta-feira, 9, promovido pela Rádio Som Maior com a presença de quatro dos cinco candidatos a prefeito da cidade. A coligação Novos Rumos Araranguá, do candidato Ricardo Ghellere (PRTB) denunciou a chapa de Daniel Viriato Afonso (PP) por propaganda irregular. Ocorre que um material de campanha do candidato progressista foi postado nas redes sociais da prefeitura de Araranguá. Limitadas até na divulgação das suas ações de governo, as administrações municipais não podem usar suas redes para posicionamentos eleitorais. A informação é do jornalista Everaldo Silveira.

A Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) movida pela coligação de Ricardo Ghellere contra a de Daniel Viriato Afonso pediu, além da remoção do conteúdo indevido, a cassação da chapa. A postagem era um convite dos correligionários de Daniel Afonso - que é do mesmo partido do atual prefeito, Mariano Mazzuco - para que acompanhassem o debate da Som Maior. A juíza Thania Luz concedeu a limitar para retirada da propaganda, e agora analisa o pedido de cassação da chapa de Daniel e Anísio Premoli (PDT) por abuso de poder político. 

Confira mais detalhes clicando aqui.