Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Devemos temer o Londrina?

Criciúma recebe o embalado campeão da Primeira Liga em confronto pela Série B
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 05/10/2017 - 16:34
(foto: divulgação)
(foto: divulgação)

O Criciúma irá receber no próximo sábado (7), a partir das 16h30min, no Heriberto Hülse, o campeão da Primeira Liga, o Londrina, em jogo válido pela 28ª rodada da Série B. A equipe do Paraná chega embalada após conquistar o título nos pênaltis, sob o Atlético Mineiro.

O Londrina ocupa a 10ª colocação da Série B, fazendo uma boa campanha fora de casa e atuando mal quando é mandante. Na competição nacional o título veio após quatro vitórias e dois empates.

Na estreia, no longínquo 25 de janeiro, bateu o Figueirense por 1 a 0 jogando no Scarpelli. Na segunda rodada, de novo em Florianópolis, outra vitória por 1 a 0, agora contra o Avaí. Finalizando a fase de grupos, novo triunfo, 2 a 1 contra o Paraná, sendo o primeiro jogando em casa, no Estádio do Café.

Com a melhor campanha da fase classificatória, ganhou o direito de jogar todas as partidas do mata-mata em casa. Nas quartas de final, já no fim de agosto, recebeu o Fluminense e com propriedade fez 2 a 0. Na semifinal o jogo foi contra o Cruzeiro, a equipe saiu perdendo por 2 a 0, mas foi buscar, empatando aos 51 minutos e vencendo nos pênaltis.

A final foi na quarta-feira (4), sem grande cobertura dos tradicionais veículos de nível nacional. Londrina e Atlético Mineiro jogaram para mais de 15 mil pessoas. A equipe visitante entrou em campo para tentar diminuir os problemas do ano que prometia ser glorioso, mas não deu certo. Após um 0 a 0 com boas chances, a partida foi para as penalidades máximas, onde brilhou César, o goleiro da equipe paranaense, defendendo as cobranças de Clayton e Rafael Moura, garantindo a taça.

O Criciúma está a nove pontos do G-4, ainda sonhando com as possibilidades de subir. O Londrina, embalado pela maior conquista de sua história é o 10º colocado. O jogo de sábado promete, quem sabe vencer um campeão nacional seja o gás que falta para o Tigre embalar e atingir o seu objetivo.