Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Debate Aberto: Aposentadoria dos mineiros e o caso Sérgio Moro

Texto da Reforma da Previdência está mantendo 15 anos de aposentadoria para mineiros, mas com idade mínima de 55
Denis Luciano
Por Denis Luciano Brasília, DF, 13/06/2019 - 14:23Atualizado em 13/06/2019 - 14:25

Uma boa notícia parecia estar no ar no fim da manhã desta quinta-feira, 13, quando o deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), relator da Reforma da Previdência, repassou à deputada Geovania de Sá (PSDB-SC) a iunformação de que a aposentadoria especial dos trabalhadores em minas de carvão estava garantida no novo modelo previdenciário que está em estudo. Porém, veio o esclarecimento minutos depois, dando conta de que o texto da reforma cria uma situação ambígua: ele prevê a aposentadoria dos mineiros com 15 anos de contribuição, mas com idade mínima de 55 anos.

O assunto fez parte da pauta do Debate Aberto na Rádio Som Maior. O jornalista Adelor Lessa informou que, na véspera, os deputados estavam convencidos de que a aposentadoria especial dos mineiros não entrariam no texto da reforma, mas acabaram se deparando com esse impasse levantando no texto. Foi informado, ainda, que dificilmente a reforma vai prever aposentadoria especial para os trabalhadores ceramistas, outro clamor levado por lideranças da região de Criciúma para Brasília.

Outra pauta nacional da hora, que também teve lugar no Debate Aberto desta quinta, foi o vazamento de conversas entre o então juiz e hoje ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o procurador da República Deltan Dallagnol.

Participaram desta edição os debatedores Marcelo Zarur, coronel Márcio Cabral, Fernanda Zampoli e Alexandre Bristot. Confira o programa na íntegra no podcast: