Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

De volta ao ano de 2007

A última vez que Próspera e Criciúma jogaram no mesmo dia foi há 11 anos; Time da Raça venceu o Juventus em Jaraguá do Sul e o Tigre derrotou o Guarani no Majestoso
Por Lucas Renan Domingos Criciúma, SC, 27/10/2018 - 12:00
Próspera volta ao campo hoje para fazer a primeira partida da Final na Série C do Catarinense
Próspera volta ao campo hoje para fazer a primeira partida da Final na Série C do Catarinense

Não é difícil encontrar entre os criciumenses que gostam de futebol aqueles que dividem o apoio ao Criciúma na Série B do Campeonato Brasileiro com a torcida pelo acesso do Próspera, após o retorno ao profissional neste ano, que está disputando a Série C do Campeonato Catarinense. Só que, desta vez, o torcedor terá que escolher qual dos dois times irá priorizar. Quando o Time da Raça estiver jogando o segundo tempo da partida de ida da final da terceira divisão, hoje, contra o Atlético Itajaí, os jogadores do Criciúma estarão prontos para enfrentar o Figueirense, no Orlando Scarpelli.

E fazia tempo que Criciúma e Próspera não tinham compromissos no mesmo dia. A última vez que isso aconteceu há 11 anos atrás. Em 15 de abril de 2007, quando ambos os clubes jogavam a Série A do Catarinense.

Naquele domingo, o adversário do Time da Raça foi a equipe do Juventus. O palco do jogo foi o Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul. O resultado? Vitória do Próspera por 4 a 2, gols de Alison, Marcelo Silva, Juca e Fabiano. Já o Criciúma também garantiu três pontos na competição. Jogando no Majestoso, o Tigre derrotou a equipe do Guarani pelo placar de 3 a 0. Clodoaldo, Fernandinho e Odair balançaram as redes.

Hora de unir forças

Por mais que os clubes tenham apresentado alguma rivalidade em suas histórias. A chegada do Próspera a final da Série C, é momento de unir forças. A diretoria do Time da Raça fez promoção de ingressos: arquibancada R$ 20, geral R$ 10. Comprando a camiseta do clube a R$ 80 o torcedor também tem direito a um ingresso.

“É uma final, a gente precisa do apoio. Estamos fazendo um esforço muito grande aqui. Todos. A comissão técnica, a diretoria, os jogadores e os envolvidos. Esse é o momento do torcedor vir, comparecer, prestigiar. Independentemente de ser torcedor do Próspera ou do Criciúma, venham nos assistir. A gente precisa de apoio. Quem gosta de futebol que compareça”, pediu o técnico Paulo Baier.

Conhecendo o adversário

O treinador está confiante em um resultado positivo no primeiro jogo da final. “Precisamos garantir a vantagem aqui”, analisou. Assim como na semifinal, caso vença em casa, bastará apenas um empate para o Time da Raça conquistar o título da Série C e o acesso para a Segunda Divisão do ano que vem.

“Para um time que está voltando ao futebol profissional, já é um grande resultado chegar à final. Só que chegamos até aqui e queremos ganhar. Ninguém lembra do vice. Vai lembrar só do campeão. É isso que estamos colocando na cabeça dos jogadores que quando chegar na final a gente tem que ganhar”, afirmou Baier.

Na primeira fase da competição, Próspera e Atlético Itajaí estiveram no mesmo grupo. O Atlético venceu no primeiro turno. O Time da Raça, no segundo. Times equilibrados e jogo aberto. “Acho que os dois times são merecedores de estarem na final. Eles têm uma equipe muito boa. Tem força na bola parada, jogadores fortes e temos que tomar cuidado. Temos que fazer o nosso dever de casa para sair com a vantagem”, disse o técnico.  O jogo entre Próspera e Itajaí está marcado para às 15h, no Estádio Mario Balsini, em Criciúma.