Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Daniela diz estar focada na retomada das atividades em SC

Há quase um mês no cargo, governadora vem buscando diálogos com as autoridades municipais
Paulo Monteiro
Por Paulo Monteiro Criciúma - SC , 23/11/2020 - 10:09Atualizado em 23/11/2020 - 10:21
Foto: Mauricio Vieira / Secom
Foto: Mauricio Vieira / Secom

A governadora interina de Santa Catarina, Daniela Reinehr, está se encaminhando para o final de seu primeiro, e talvez único, mês sob gestão do estado. Daniela assumiu o governo de SC em 27 de outubro e, dependendo do parecer do Tribunal sobre o impeachment de Carlos Moisés, poderá continuar ou não no cargo. Em entrevista à Rádio Som Maior nesta segunda-feira, 23, a governadora afirmou estar focada principalmente na retomada das atividades no estado catarinense.

“O foco é a retomada das atividades, dando essa atenção para o setor produtivo econômico que tanto clamava pelo retorno da volta da normalidade, e cabe ao estado assegurar a retaguarda em saúde, que se tenha a estrutura de saúde necessária para cuidar das pessoas, focados no tratamento precoce e na conscientização para que possamos minimizar os efeitos e levar uma vida com maior segurança”, comentou Daniela.

Uma das principais determinações da governadora referente a retomada de atividades em Santa Catarina é o retorno das aulas presenciais no estado. Tal determinação chegou a ser suspensa pela Justiça mas, na última sexta-feira, acabou sendo liberada novamente, para escolas privadas e municipais. O retorno vem assegurado com foco nos cuidados individuais e coletivos, segundo a governadora, e a ida das crianças à escola será uma escolha dos pais - já que as atividades remotas continuarão sendo trabalhadas.

Neste primeiro mês como governadora interina, Daniela afirma estar trabalhando para apresentar soluções para os diversos setores do estado, buscando um diálogo com os prefeitos e gestores. “O grande desafio tem sido gerar novas oportunidades e resolver os problemas de ordem socioeconômica ao mesmo tempo que se faz uma gestão da pandemia. Tenho procurado desenvolver várias frentes de atuação baseado no diálogo com as sociedades, para que possamos ter um novo estágio nesse enfrentamento da Covid-19”, disse. 

Atualmente, SC conta com 3.471 óbitos e 25,6 mil casos ativos do novo coronavírus. A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia (UTI) do Sistema Único de Saúde (SUS) no estado é um dos mais altos desde o início da pandemia, com 80,9%. “O objetivo é fortalecer a prevenção e ajudar a conscientizar as pessoas a conviverem com essa nova realidade, uma vez que não temos uma perspectiva e prazo determinado para solução da pandemia, vamos ter que aprender a conviver com o vírus”, pontuou.

Vinda a Criciúma

Daniela deverá vir a Criciúma nesta quarta-feira, 25, para assinar o termo que autoriza a construção do Centro de Inovação criciumense - um projeto que há anos não sai do papel. “Deveremos inaugurar o Centro de Inovação de Criciúma, fazer os aportes e a assinatura para a construção. O projeto foi aprovado, o fundo social também avalizou e junto com a Fapesc entregaremos mais uma ação”, disse Daniela.

A assinatura será realizada na Associação Empresarial de Criciúma (Acic), ao lado do vice-presidente da República Hamilton Mourão, que irá realizar uma palestra na associação na manhã de quarta.