Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Criciúma perto dos 10 mil sócios

Quando alcançar a marca, valores serão reajustados. Faltam cerca de 200 novos
Por Denis Luciano Criciúma, SC, 23/03/2022 - 11:14 Atualizado em 23/03/2022 - 11:20
Arquivo / 4oito
Arquivo / 4oito

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

O Criciúma está muito perto de alcançar a marca de 10 mil sócios, objetivo que havia sido traçado no começo do ano para quando chegasse a Série B do Campeonato Brasileiro. Faltando pouco mais de duas semanas para a estreia na competição, o clube está com 9,8 mil associados. Esses cerca de 200 que ainda serão aceitos estarão na faixa dos contemplados pelos valores atuais. Depois dos 10 mil, ficará mais caro ser sócio do Criciúma.

"Estamos perto, com 9,8 mil, faltando 200 para a meta e vamos fazer mais uma grande ação com a Unesc nos próximos dias", anunciou o vice-presidente de Finanças do clube, Vilmar Guedes. Detalhes da ação foram combinados em reunião com o presidente do Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Universidade, Vittor Teixeira, e a vice-presidente Giovana Lisa, mais a gerente comercial do Criciúma, Viviani Olímpio.

"Essa meta dos 10 mil sócios é muito importante para a saúde financeira do clube. Com 10 mil pagantes nós temos ingressando no caixa um valor equivalente a 70% da nossa cota de TV mensalmente. E o sócio do Criciúma que já está pagando tem sido grande parceiro", sinalizou o dirigente, lembrando que o clube não joga no estádio Heriberto Hülse desde 31 de outubro do ano passado, quando empatou em 0 a 0 com o Ituano pela penúltima rodada da Série C. São exatos 143 dias sem atuar no Majestoso e sem apresentar futebol para os associados. Mesmo assim, o quadro social do Criciúma só cresceu de lá para cá.

Novos valores

O dirigente lembra que, a partir dos 10 mil sócios, o Criciúma aplicará uma nova tabela de valores. "É necessário", observou Guedes. Para os 200 últimos que se associarem no plano atual, o sócio Carvoeiro Ouro, de arquibancada, paga R$ 60 mensais. Para as cadeiras (Carvoeiro Black) o valor é de R$ 140. Estudantes pagam R$ 42, o mesmo valor para idosos e aposentados. O Plano Empresarial (para empresas com mais de 10 funcionários associados) custa R$ 50 por carteirinha.

Depois dos 10 mil sócios, o plano de arquibancada saltará de R$ 60 para R$ 90, e o de cadeiras de R$ 140 para R$ 160. Estudantes, idosos e aposentados, além dos planos empresariais passarão para R$ 60. O plano Bronze, que garante descontos no Clube Carvoeiro, custa R$ 15 ao mês. 

Ingresso mais caro

O ingresso avulso para os jogos da temporada também sofreram aumento, conforme já era previsto e antecipado pelo 4oito. Os bilhetes custarão R$ 120 para arquibancada e R$ 200 nas cadeiras.

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito