Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Criciúma bate o Avaí de virada na capital

Mudanças de Argel Fucks fizeram efeito e o Tigre virou em 4 minutos
Erik Behenck
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 21/03/2018 - 23:35Atualizado em 22/03/2018 - 00:21

O Criciúma foi a Florianópolis enfrentar o Avaí na noite desta quarta-feira (21), em confronto válido pela 15ª rodada do Campeonato Catarinense. Mesmo desfalcado, o Leão da Ilha deu trabalho e dominou o primeiro tempo, mas em quatro minutos o Tigre virou o jogo na segunda etapa, vencendo por 2 a 1.

Com a vitória o Criciúma subiu para a 6º posição, agora com 17 pontos. O Tigre abriu 5 pontos para a zona de rebaixamento, mas a vantagem ainda pode ser reduzida pelo jogo entre os lanternas Inter de Lages e Concórdia. O Criciúma volta a campo no domingo (25), contra o Inter, às 16h, no Heriberto Hülse.

Primeiro tempo
O jogo começou morno e com o time da casa melhor em campo, trocando passes. Na primeira chegada do Avaí, Guga recebeu na direita e fez um cruzamento perfeito para Romulo, que foi lá em cima para cabecear e abrir o placar. O gol foi aos 9 minutos.

Com 18 minutos o Avaí chegou de novo, Getúlio passou para trás, Martinuccio cegou com tudo e soltou a bomba, a bola passou tirando tinta da trave. O Leão da Ilha manteve a posse de bole e o Criciúma mal conseguia chegar. O Tigre apostava nas bolas aéreas. O primeiro tempo acabou 1 a 0.

Segundo tempo

As equipes voltaram sem alterações. A primeira chegada perigosa foi do Avaí, Getúlio tocou bonito para Romulo, que foi avançando, limpou a marcação e mandou para o gol, Luiz salvou o Tigre. Barreto tentou responder e arriscou lá de longe, o chute foi fraco e torto.

Numa das raras chegadas do Criciúma o zagueiro Sandro mandou para as redes, após cobrança de falta de Elvis, mas o árbitro anulou o gol por falta de ataque. O Avaí atacou de novo aos 19, Getúlio bateu da entrada da área e a bola passou perto.

Com as entradas de Andrew e Lucas Coelho o Tigre melhorou bem. Aos 26 empatou com o polivalente Andrew, que recebeu cruzamento de Wallacer e completou para o gol.

O gol da virada não demorou. Novamente João Paulo, dessa vez rolou para Lucas Coelho, que pegou de primeira e mandou com força para o fundo do gol de Aranha. Tigre 2 a 1.

Avaí
Aranha; Guga, Betão, Fagner Alemão e João Paulo; Luan, Menezes (Caio) e Martinuccio (Rafinha); Lourenço (Lucas de Sá), Romulo e Getúlio.

Criciúma
Luiz; Sueliton, Sandro, Fábio Ferreira e Marlon; Jean Mangabeira, Barreto (Andrew), Wallacer e Elvis; João Paulo (Caio) e Zé Carlos (Lucas Coelho).