Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Brasil continua sendo o único a vencer sete jogos em uma única Copa

Campanha do penta segue inigualável, ao menos por mais quatro anos
Erik Behenck
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 15/07/2018 - 16:06
(foto: reprodução)
(foto: reprodução)

Desde 1974 as seleções precisam disputar sete jogos para serem campeãs do mundo. São 12 edições, contando a de 2018 e até aqui apenas o Brasil venceu todos os jogos, em 2002, na campanha do penta. Neste período, o formato do mundial passou por alterações, sendo que o atual vigora desde 1998 e será substituído em 2026.

Na primeira edição com sete jogos o título ficou com a Alemanha Ocidental, que venceu seis vezes e perdeu uma. A derrota foi justamente para a Alemanha Oriental, na primeira fase de grupos, supostamente para se livrar de um grupo com Brasil, Argentina e Holanda, ficando na chave de Polônia, Suécia e Iugoslávia.

Em 1978 a Argentina conquistou o título em casa, com cinco vitórias, um empate e uma derrota. Em 82 a Itália levou o tricampeonato, sendo que a campanha começou com três empates, depois venceram quatro jogos. Em 1986 a Argentina chegou perto do feito brasileiro, terminando com seis vitórias e um empate, faturando o bicampeonato.

Em 1986, Maradona fez o famoso gol de mão, nas quartas de final, contra a Inglaterra (foto: reprodução)


Em 1990 foi a vez da Alemanha Ocidental ser tri, com cinco vitórias e dois empates. Em 94 o Brasil foi o primeiro conquistar o tetra, repetindo a campanha alemã. Fechando a década, a França jogou em casa e comemorou seu primeiro título, a caminhada teve seis vitórias e um empate contra a Itália nas quartas, com vitórias nos pênaltis.

O milênio começou com a espetacular campanha brasileira, sete jogos, sete vitórias, 18 gols marcados, quatro sofridos e o pentacampeonato. Em 2006 a Itália foi tetra, com cinco vitórias e dois empates. Em 2010 a Espanha ganhou seu primeiro título, tendo seis vitórias e uma derrota. A Alemanha tetra em 2014 teve seis vitórias e um empate.

A França praticamente repetiu sua campanha de 1998, conquistando o título com seis vitórias e um empate. Dessa vez a igualdade veio contra a Dinamarca, na primeira fase, quando poupou diversos titulares já pensando no mata-mata. O título deste domingo (15) foi o segundo em 20 anos.