Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Banco de Talentos, lugar para encontrar trabalho

Ferramenta da Acic aproxima empresas, suas necessidades e oportunidades profissionais
Redação
Por Redação Criciúma, SC, 23/11/2020 - 13:55
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Região Carbonífera dá repetidas mostras de que os impactos na economia provocados pelo coronavírus estão sendo superados. Um dos indicadores que comprovam essa tendência é o aquecimento no mercado de trabalho formal, com a oferta de vagas já ultrapassando os números pré-pandemia.

Importante ferramenta de aproximação entre as empresas que precisam repor seu quadro de pessoal e profissionais em busca de uma nova colocação ou do retorno às atividades, o Banco de Talentos da Associação Empresarial de Criciúma (Acic), por exemplo, registrou em outubro a maior marca do ano, com 1.986 postos de trabalho cadastrados por empresas da região e também de outras cidades de Santa Catarina.

“É uma demonstração clara de que as empresas buscaram alternativas para não demitir durante o período mais crítico da pandemia, continuaram produzindo apesar das restrições e já conseguem fazer contratações a níveis até superiores do que vinha ocorrendo desde o ano passado e o início deste ano”, avalia o presidente da Acic, Moacir Dagostin.

No acumulado entre janeiro e outubro, foram ofertadas por meio do Banco de Talentos da Acic 9.481vagas, significando uma média de quase 949 postos de trabalho por mês. A menor oferta coincidiu justamente com a pior fase da crise provocada pela Covid-19, nos meses de abril e maio, quando foram disponibilizadas 315 e 383 vagas, respectivamente.

A partir de junho, o número de vagas começou a subir, indo a 646, passando a 808 em julho, 897 em agosto, 1.720 em setembro, até chegar a quase 2 mil no mês passado. Os dados referentes a outubro mostram que 477 empresas anunciaram vagas durante o mês.

Mais de 1,6 milhão de acessos

Em relação aos currículos, foram cadastrados 11.873 entre janeiro e outubro no Banco de Talentos, representando uma média de 1.187 ao mês. Apenas o mês de abril ficou abaixo da média, com 874 currículos enviados. Mas, os números voltaram a aumentar em maio e outubro fechou com 1.557 currículos cadastrados ao longo do mês. 

Seja por empresas disponibilizando vagas, associados e não associados consultando os postos ofertados, profissionais buscando uma nova oportunidade de trabalho ou cadastrando seus currículos, o Banco de Talentos da Acic teve 1.672.885 acessos no acumulado entre janeiro e setembro, média de quase 170 mil por mês.  

Base para seleção

A Ouro Negro é uma das empresas que utiliza a ferramenta como base para o recrutamento de profissionais. Conforme a gerente de gestão de pessoas, Carolina Zanette de Souza, a busca ocorre para todas as áreas da empresa, seja operacional ou administrativa. “O Banco de Talentos da Acic é um grande aliado no nosso dia a dia da área de gestão de pessoas. Encontramos na ferramenta muitos perfis de profissionais que atendem às nossas demandas”, destaca Carolina. 

Um dos colaboradores contratados pela Ouro Negro por meio do banco é a atual assistente de Recursos Humanos da empresa, Simone Cristina Grando. “Fui contratada pela Ouro Negro em fevereiro através do Banco de Talentos. Conheço bem a ferramenta tanto para recrutamento como também na busca de oportunidades”, conta Simone. 

O profissional Evandro Luis Rocha Alves, com formação na área contábil, salienta a importância e a facilidade da ferramenta. “O banco é muito prático e assertivo. Já usei muitas vezes, tanto para seleção como na busca de uma vaga de trabalho. Meu atual emprego foi uma oportunidade que surgiu, após ter colocado meu currículo lá”, relata Alves, que foi contratado em janeiro pela Acriflex. 

Um Banco de Talentos ainda melhor

Os números que ajudam na conclusão de que há um reaquecimento na economia regional deverão ser ainda mais expressivos via Banco de Talentos, acredita o presidente da Acic. “A nossa expectativa é de que até o final do ano tenhamos números ainda maiores, com ofertas de vagas em empresas de diversos segmentos, para atuação em diferentes funções e com níveis de qualificação variados”, explica.

Moacir Dagostin antecipa que o Banco de Talentos está passando por reformulações e as novidades devem ser apresentadas em breve. “Estamos fazendo ajustes que tornarão a navegação mais fácil e trarão outras melhorias a quem utiliza a ferramenta”, pontua.

Signatária do Movimento ODS – Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, a Acic por meio do Banco de Talentos atinge o ODS 8 – Trabalho Decente e Crescimento Econômico – com a promoção de políticas que incentivem a criação de empregos de maneira sustentável e inclusiva.

Para quem quiser conhecer as vagas ofertadas ou cadastrar seu currículo, basta acessar o site da Acic.

Banco de Talentos  
1,6 milhão de acessos
11,8 mil currículos cadastrados 
1,9 mil ofertas de emprego em outubro 
9,4 mil vagas de trabalho de janeiro a outubro