Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Bancadas e blocos parlamentares definem lideranças

O nome do líder do Governo na Assembleia também já foi oficializado. Como havia sido divulgado, o deputado José Milton Scheffer exercerá a função
Redação
Por Redação Florianópolis, SC, 12/02/2021 - 18:23
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Os blocos parlamentares e a Bancada do PT definiram nesta semana seus líderes para o ano legislativo. O Bloco MDB/Novo terá como líder o deputado Valdir Cobalchini (MDB). Já o Bloco Social Democrático, composto por PSD e PSC, terá Milton Hobus (PSD) na liderança.

O Bloco PP-PSB será liderado pelo deputado Silvio Dreveck (PP), enquanto o Bloco Social Democrático Republicano (PDT-PSDB-Republicanos) escolheu Marcos Vieira (PSDB) para a liderança. O Bloco PSL-PL ainda não oficializou seu líder. Único partido a atuar na forma de bancada neste ano, o PT manteve Fabiano da Luz na liderança.

O nome do líder do Governo na Assembleia também já foi oficializado. Como havia sido divulgado, o deputado José Milton Scheffer (PP) exercerá a função. A função de líder de bancada ou bloco parlamentar está prevista no Regimento Interno da Alesc. Os líderes têm algumas prerrogativas, entre elas a indicação dos deputados que vão compor as comissões permanentes da Casa.

O prazo para essa indicação está em aberto e termina na próxima semana. Esse procedimento é necessário para que as comissões elejam presidente e vice e retomem a análise das proposições em tramitação na Assembleia. O Parlamento catarinense conta, atualmente com 21 comissões permanentes. Destas, quatro são compostas por nove deputados e as demais por sete.

A divisão das vagas nas comissões é feita, conforme o Regimento Interno, com base no tamanho das bancadas e blocos parlamentares. Quanto mais deputados um bloco ou partido tiver na Alesc, mais vagas ele terá nas comissões. Confira como ficou a divisão das vagas por bloco ou bancada:

Comissões com nove deputados:

MDB/Novo – duas vagas
PSL/PL – duas vagas
PSD/PSC – duas vagas
PDT/PSDB/Republicanos – uma vaga
PP/PSB – uma vaga
PT – uma vaga
Comissões com sete deputados:

MDB/Novo – duas vagas
PSL/PL – uma vaga
PSD/PSC – uma vaga
PDT/PSDB/Republicanos – uma vaga
PP/PSB – uma vaga
PT – uma vaga