Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Para o marketing do Criciúma, um por R$45,00 não é igual a dois por R$90,00. Entenda!

A polêmica sobre a parceria entre Carvoeiro Doente e Os Tigres
Roberto Lima
Por Roberto Lima 24/01/2020 - 11:02Atualizado em 24/01/2020 - 12:39

A primeira que vez que me tornei sócio do Criciúma Esporte Clube foi em 2006. Ano de Série C! Toda minha campanha seria baseada nisso, mas nem deu tempo!

O ano começou animado, torcedor querendo voltar a ser sócio, direção de futebol contratando jogadores querendo crescer na carreira e até o time vencendo na estreia.

Tentei começar diferente também. Menos críticas, já que a Série C deixou de ser uma ameaça e é nela que estamos de fato.

Criei um clima bacana nas redes sociais afim de não deixar o clube de lado. Precisamos disso!

Tento desde ano passado trabalhar com plano de sócios. Com 23mil seguidores acredito que posso ajudar na captação de novos e na manutenção de quem já é sócio. Mas não consigo autorização, afinal, eu quero o mal do clube.

Na reunião que fui chamado para participar da escolha dos novos uniformes, pedi ao atual diretor de marketing Julio Remor a autorização para trabalhar em cima do plano das torcidas organizadas, no caso a Os Tigres. Fui autorizado, mas como já estava em fim de temporada e o clima era outro, não anunciei os planos.

Em 12/12/2019 novamente entrei em contato com o marketing do clube para participar do planejamento de 2020. Hoje é dia 24/01/2020 e nada de resposta!

Marketing é 'time' (taime) e eu não posso esperar algo que leva UM dia para ser decidido. Conversei com a Os Tigre e firmamos parceria para captação de novos sócios para a torcida. Ajuda a torcida e ajuda o clube.

Passei a madrugada produzindo todos os materiais. Deixei tudo pronto. Pois sabia que dúvidas surgiriam e as respostas já deveriam estar prontas.

 

De manhã, dia 22/01/2020, fiz o lançamento e em poucas horas começaram os cadastros. Infelizmente vieram também os problemas! No debate esportivo da Rádio Eldorado começaram a bater no lançamento. Gargalhadas irônicas e julgamentos rolaram solto. Me chamaram pra falar sobre? Pediram meu esclarecimento? O que você acha?

Peguei meu carro e fui direto à rádio cobrar meu direito de resposta! Não fui autorizado a falar no ar, mas aguardei para conversar com o âncora Renato Semenssatti. Muita informação esclarecida e com isso, meu direito de resposta no dia seguinte.
Foi o que aconteceu. Leram minha resposta na íntegra e com isso os discursos mudaram um pouco. O tom que era "aqui ninguém vai ser ouvido" mudou! De qulquer forma, agradeci o Semenssati por cumprir o acordado.

Dia 23/01/2020 o bloqueio foi confirmado. Segue o plano com as torcidas, mas não mais comigo. Se posso trabalhar com a captação direta ao clube? Difícil!

Segue o baile!

4oito

Deixe seu comentário