Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

"Que ponto de vista interessante! Onde posso ler mais sobre isso?"

Ananda Figueiredo
Por Ananda Figueiredo 21/04/2021 - 06:00

Nossa cultura prega um senhorio à medicina. Se o médico diz, é verdade!

Só que o médico não é uma entidade. Ele, o fonoaudiólogo, o fisioterapeuta, o nutricionista e nós, também, psicólogas, antes de ocuparmos o papel de "profissionais da saúde", já havíamos trilhado um longo caminho do aprender com a cultura e os grupos sociais.

É claro que as graduações e demais formações na saúde (assim como noutras áreas) são grandes processos de desconstrução. Mas também é verdade que a desconstrução nunca é imediata ou estanque - a prova disso é a própria psicoterapia.

O que quero dizer é que você, mãe/pai/família, também é sujeito de poder e de conhecimento.

Que, felizmente, a popularização da informação foi capaz de empoderar sujeitos independente da titulação acadêmica - se não para conhecer, ao menos para questionar.

Que você pode não ser especialista em desenvolvimento infantil, em psicologia da aprendizagem, em macro e micro nutrientes, mas você é especialista no SEU FILHO.

Por isso, se ouvir uma frase determinista ou condenatória que acione suas anteninhas da proteção no maternar/paternar, mesmo que ela venha de uma "autoridade diplomada", questione!

Você tem voz e tem poder. Use!

E não, este não é um post anti-ciência, pelo contrário.

É em defesa da saúde à serviço da população (e não o contrário) que escrevo.

Para que você, mãe/pai/família, não se acomode no desconforto quando ouvir valores pessoais e senso comum na voz de um profissional da saúde desatualizado, em desconformidade com as recomendações e normativas de saúde nacionais e internacionais.

Trabalhar na área da saúde passa por ouvir e acolher e, especialmente, por dar uma resposta baseada em evidências.

Se você tiver dúvidas sobre o que ouviu, minha sugestão é a pergunta que eu mesma utilizo:

"Interessante ponto de vista! Em qual livro ou artigo científico posso ler mais sobre?"

Bons profissionais ficarão felizes em lhe responder.

A Nova Geração de Famílias é, também, aquela que questiona - inclusive a mim, viu?

Sobre o que você quer conversar? Estou a disposição :)

Um beijo,

Ananda Figueiredo

4oito

Deixe seu comentário