Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Com medo da morte, brasileiro quase dobra o número de transferências de bens

Por Ney Lopes Edição 20/05/2022
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

No auge da pandemia, em 2020, o brasileiro temendo a morte tratou de transferir para seus entes queridos bens e investimentos. Naquele ano, o Leão registrou que as doações em bens e direitos chegaram a R$ 58 bilhões, quando em 2019 tinham sido de R$ 32 bilhões. A conta é do economista José Roberto Afonso.

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito