Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Urussanga: Vereador é preso e três são afastados em operação da Polícia Civil (VÍDEO)

Participam da ação 85 policiais
Por Vítor Filomeno Urussanga, SC, 13/12/2021 - 07:04 Atualizado em 13/12/2021 - 13:27
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

Na manhã desta segunda-feira, 13, a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Polícia de Urussanga, em atuação conjunta com a 3ª Promotoria de Justiça da cidade, desencadeou a operação “Hera”. Até o momento, um vereador foi preso por porte ilegal de arma de fogo.

As investigações começaram em julho de 2021, contra crimes possivelmente realizados na Fundação Ambiental Municipal de Urussanga, tais como extravio ou sonegação de documento público, corrupção passiva, prevaricação, crimes ambientais e organização criminosa.

Após as primeiras averiguações, foram identificados mais crimes, como peculato, crimes licitatórios e advocacia administrativa, além dos já citados, com a participação de vereadores de Urussanga. Por isso, a Polícia Civil executa 18 mandados de busca e apreensão, sete afastamentos cautelares de função pública, duas prisões temporárias e quebra de sigilo telefônico.

Os alvos são empresas privadas, residências particulares, servidores públicos e três secretarias municipais, além da Fundação Ambiental. Participam da operação 85 policiais civis das regiões de Laguna, Tubarão, Araranguá e Criciúma, com apoio do Gaeco de Criciúma e sob a coordenação da Delegacia de Polícia de Urussanga. O valor dos contratos que estão sendo investigados gira em torno de R$1 milhão.

Confira vídeo do delegado Ulisses Gabriel, da Polícia Civil de Urussanga.

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito