Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Taufembach garante estadualização da Via Rápida em pouco tempo

Coordenador de infraestrutura diz que o secretário Carlos Hassler se equivocou
Erik Behenck
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 31/10/2019 - 09:03Atualizado em 31/10/2019 - 09:05
Foto: Arquivo / 4oito
Foto: Arquivo / 4oito

Durante a reunião de terça-feira, 29, em Praia Grande, o secretário de Infraestrutura, Carlos Hassler, disse que ainda iria demorar para que a Via Rápida fosse estadualizada. Segundo ele, era preciso estar com a obra pronta. Para o coordenador regional de infraestrutura, Gustavo Taufembach, foi um mal-entendido e a Via Rápida será estadualizada em breve.

“Foi uma divergência de informações. Ele não entendeu a real situação que estava acontecendo ali na Via Rápida. Depois eu entrei em contato com ele, e percebeu que havia um equívoco”, afirmou. “Após contextualizar, ele disse que se equivocou, já que o processo passou pela Casa Civil”, completou Taufembach.

“Já teve todo o encaminhamento direitinho e o secretário já encaminhou o ofício novamente, eu acredito que muito em breve teremos as assinaturas e poderá ser publicado no Diário Oficial”, disse o coordenador de infraestrutura. Com a estadualização, a Polícia Rodoviária Militar (PMRv) passará a cuidar da rodovia.

Segundo ele, o nome Via Rápida se tornou popular, mas não é o oficial nos documentos. “É igual a BR-101, que á a Rodovia Governador Mario Covas, a Via Rápida é a Aristides Bolan, Via Rápida é um nome técnico”, disse.