Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Sônia Bridi e o legado que Zilda Arns deixou (VÍDEO)

Jornalista da Rede Globo contou experiências em evento voltando à primeira infância em Forquilhinha
Denis Luciano
Por Denis Luciano Forquilhinha, SC, 24/04/2019 - 16:12Atualizado em 24/04/2019 - 16:16
Foto: Amanda Farias / 4oito
Foto: Amanda Farias / 4oito

Com a experiência de quem, em suas coberturas, conheceu tanto das mazelas do mundo, a jornalista Sônia Bridi integrou na tarde desta quarta-feira a programação da sexta edição do Seminário Nacional de Políticas Públicas para a Primeira Infância – Um Tributo a Zilda Arns, que vai de hoje até sexta-feira em Forquilhinha

"A comunicação tem que fazer a informação chegar clara nas pessoas para que elas possam tomar as decisões e influenciar nas políticas públicas", incentivou Sônia, em sua palestra. "Quando as pessoas tem acesso a compreender o quanto aquela ação pode impactar na vida delas, elas vão se mobilizar e vão exigir que município, estado e União sigam as políticas corretas para benefício delas", contou. Ouça a entrevista de Sônia Bridi à jornalista Amanda Farias.

Sônia relembrou entrevistas que fez com a saudosa fundadora da Pastoral da Criança, falecida em janeiro de 2010 no Haiti, bem como a cobertura que fez do funeral da ilustre médica natural de Forquilhinha. A jornalista lembrou de como Zilda Arns criou a pastoral e, nesse momento, se emocionou perante à plateia. Assista.

A programação continua

Na programação do seminário foram homenageados representantes de projetos sociais voltados à primeira infância, tanto na região e até de países como a Venezuela, o Congo e a República do Congo, os dois últimos na África. 

Mesas do seminário vão discutir, nesta quinta-feira, o Sistema Judiciário e a proteção à infância e o debate internacional com os convidados de outros países. "Esse seminário busca resgatar a memória de Zilda Arns homenageando as pessoas a entidades que desenvolvem trabalho em favor da primeira infância. É o sexto ano consecutivo de uma discussão qualificada, aprimorando cases e conhecendo para que a gente possa ter as nossas crianças bem atendidas", comentou a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Forquilhinha, Lilian Arns Topanotti.

O evento acontece no Auditório Alfredo Michels, no Centro de Forquilhinha. Confira mais detalhes às 18h no programa Ponto Final na Rádio Som Maior.